Liberdade e individualidade nas grandes cidades: contribuições de Georg Simmel para o debate contemporâneo

Amana Rocha Mattos

Resumo


Resumo:

O presente trabalho discute o importante texto de Georg Simmel “As grandes cidades e a vida do espírito”, escrito em 1903, trazendo seus pontos principais para pensar a experiência de liberdade no espaço urbano nos dias atuais. Desde sua publicação, esse texto se tornou uma referência na área das Ciências Sociais para o estudo da Modernidade, do individualismo e da subjetivação no cotidiano das metrópoles. Entendendo que esses assuntos constituem a base para a discussão de temas como a liberdade, a independência e a autonomia, articulamos os argumentos de Simmel com essas questões, trazendo também outros comentadores de seu texto. (Apoio: CAPES)

Palavras-chave: Liberdade. Metrópoles. Modernidade. Individualismo.


Abstract:

The present work discusses “The metropolis and the mental life”, Georg Simmel's seminal 1903 text, using its main points to underline contemporary experiences of freedom in urban spaces. From its release, Simmel's text has become a reference in the social sciences for studies of Modernity, individualism and the subjectivities produced in daily metropolis life. Positing these themes as the ground for any significant discussion about freedom, independence and autonomy, we use Simmel's arguments, and other authors that comment on his text, as a base toward thoughts about these topics. (Apoio: CAPES)


Keywords: Freedom. Metropolis. Modernity. Individualism.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.