Políticas Editoriais

Foco e Escopo

A Revista de História Comparada é publicada pelo programa de Pós-graduação em História Comparada da UFRJ e tem como principal objetivo divulgar e promover o debate sobre a História Comparada. Neste sentido, busca-se divulgar trabalhos que reflitam teoricamente sobre a comparação; analisem criticamente o seu uso na historiografia em diversos períodos, e apliquem uma das suas modalidades – a comparação clássica, a história da transferência, a história cruzada, etc. – para a análise de fenômenos históricos.

 

Políticas de Seção

Artigos

* Serão admitidos artigos originais, elaborados por graduados nas diversas áreas das Ciências Humanas.

* Serão aceitos para publicação os artigos que apresentam contribuições inéditas às suas áreas e resultem de pesquisa acadêmica.

* Serão aceitos para publicação os artigos que foram elaborados utilizando uma das modalidades de História Comparada. Consideramos como trabalhos de História Comparada aqueles que realizam, de forma sistemática, um diálogo ou uma comparação entre dois ou mais objetos, conceitos teóricos, visões historiográficas e campos do conhecimento, em análises sincrônicas ou diacrônicas, verificando similitudes, diferenças, influências comuns, trocas e transferências.

* Os artigos deverão ser redigidos em português, inglês, espanhol ou francês.

* Os artigos poderão ter até 30 páginas. Deverão ser digitados em editor de texto word for windows (em formato rtf), em fonte Times New Roman, tamanho 12, com espaço 1,5, em papel A4 e margens 3,0 cm.

* Os artigos deverão ser acompanhados de um resumo na língua de redação e de sua tradução para o português, inglês, espanhol ou francês, respeitando o limite máximo de 1000 caracteres (com os espaços). Cada resumo deverá ser seguido de 3 palavras-chaves.

* Os subtítulos deverão ser colocados na margem esquerda do texto, sem numeração, e em negrito.

* O artigo deverá ser apresentado considerando a seguinte ordenação: a) título do trabalho em caixa alta, centralizado, em negrito, na primeira linha da folha inicial; b) abaixo, à direita, nome(s) do(s) autores(s); c) abaixo, também à direita, indicar a maior titulação e afiliação institucional; d) resumo do artigo seguido das palavras-chaves em português; e) resumo do artigo seguido das palavras-chaves em inglês, francês ou espanhol ; f) o artigo propriamente dito, e g) referências bibliográficas seguindo a ABNT NBR 6023 (exemplos na sessão Submissões)

 

 

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Resenha

* Serão admitidos resenhas originais, elaborados por graduados nas diversas áreas das Ciências Humanas.

* Serão aceitas resenhas de livros e coletâneas com temáticas desenvolvidas nos diferentes campos das Ciências Humanas, publicados até um ano antes do encaminhamento da resenha para a RHC. As resenhas deverão apresentar as questões centrais desenvolvidas nas obras, destacando a filiação teórica e a contribuição dos trabalhos em suas respectivas áreas.

* As resenhas deverão ser redigidos em português, inglês, espanhol ou francês

* As resenhas poderão ter até 5 páginas e deverão ser digitadas em editor de texto Word for Windows (em formato rtf), em fonte Times New Roman, tamanho 12, com espaço 1,5, em papel A4 e margens 3,0 cm.

* A resenha deverá ser apresentada considerando a seguinte ordenação: a) referência completa do material resenhado, seguindo as normas apresentadas na sessão Submissões centralizado; b) abaixo, à direita, nome(s) do(s) autores(s); c) abaixo, também à direita, indicar maior titulação e afiliação institucional, e d) a resenha. Deverão figurar, entre parênteses, as páginas da obra resenhada citadas.

 


Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Documento

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares
 

Processo de Avaliação pelos Pares

Os artigos e resenhas enviados à comissão editorial serão submetidos à avaliação ad hoc. Os materiais serão avaliados quanto:

- a relevância acadêmica do artigo/resenha face à linha editorial da revista;

- a originalidade;

- a clareza, a organização, a coerência e a correção gramatical do textual;

- o diálogo com a bibliografia pertinente ao tema abordado, e

- a argumentação desenvolvida.

Os artigos receberão um dos seguintes pareceres: a) aceito para publicação; b) recusado para publicação; c) deverá sofrer reformulação. Destacamos ainda que o artigo poderá ser recusado por não estar em harmonia com a linha editorial da revista.


 

Periodicidade

A Revista de Histórica Comparada recebe contribuições em fluxo contínuo, publicando dois números por ano (um a cada semestre) perfazendo um volume.

 

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

 

Arquivamento

Esta revista utiliza o sistema LOCKSS para criar um sistema de arquivo distribuído entre as bibliotecas participantes e permite às mesmas criar arquivos permanentes da revista para a preservação e restauração. Saiba mais...

 

Conselho Consultivo

CONSELHO EDITORIAL NACIONAL

Anita Leocádia Prestes (Universidade Federal do Rio de Janeiro)

Carlos Roberto Antunes dos Santos (Universidade Federal do Paraná)

Diva do Couto Muniz (Universidade de Brasília)

Dulce Oliveira Amarante dos Santos (Universidade Federal de Goiás)

Francisco Carlos Teixeira da Silva (Universidade Federal do Rio de Janeiro)

Gilson Rambelli (Universidade Federal de Sergipe)

Gilvan Ventura da Silva (Univesidade Federal do Espírito Santo)

Jean Marcel Carvalho França (Universidade Estadual Paulista)

Joana Maria Pedro (Universidade Federal de Santa Catarina)

José Antônio Dabdab Trabuls (Universidade Federal de Minas Gerais)

José Rivair Macedo (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)

Maria do Amparo Tavares Maleval (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)

Maria Gabriela Martin Ávila (Universidade Federal de Pernambuco)

Maria Helena Rolim Capelato (Universidade de São Paulo)

MaMarina de Mello e Souza (Universidade de São Paulo)

Paulo Gilberto Fagundes Vizentini (Universidade Federal do Rio Grande do Sul)

Renata Menezes (Universidade Federal do Rio de Janeiro)

Renan Frighetto (Universidade Federal do Paraná)

Terezinha Oliveira (Universidade Estadual de Maringá)

Valdemir Donizette Zamparoni (Universidade Federal da Bahia)

 

CONSELHO EDITORAL INTERNACIONAL

Carlos Barros (Universidade de Santiago de Compostela - Espanha)

José Luis Fontes (Universidade do Minho - Portugal)

Maria de Fátima Souza e Silva (Universidade de Coimbra - Portugal)

Maria Cecília Colombani (Universidad Nacional de Mar del Plata - Argentina)

Maria Manuela Martins (Universidade do Minho - Portugal)

Mariana Benedetti (Universitá degli Studi di Milano - Itália)

Norberto Consani (Universidad Nacional de la Plata - Argentina)

Nuno Simões Rodrigues (Universidade de Lisboa - Portugal)

Patrícia Grau-Dieckmann (Universidad Nacional de Buenos Aires - Argentina)

Pieter Lagrou (Institut d'Histoire du Temps Présent - França)

Stefan Rinke (Universidade Livre de Berlim - Alemanha)