Políticas Editoriais

Foco e Escopo

Em todo o mundo, os estabelecimentos de ensino superior estão empenhados em publicar suas descobertas, de modo a intensificar o intercâmbio com outras instituições e a sociedade. Assim se explica a existência desta publicação, que promove a circulação de escritos produzidos por pesquisadores brasileiros e estrangeiros.

A revista se destina à veiculação de material sobre a poesia e a prosa nacionais de nosso tempo. Com vistas a oferecer uma visão verdadeiramente ampla das investigações em andamento nas diferentes universidades, mantém-se aberta do ponto de vista temático.

Democrática no próprio nome, oferece boa acolhida ao texto discente (sem, evidentemente, fechar-se à contribuição dos professores), configurando-se uma verdadeira incubadora de analistas. Ao se oferecer como alternativa de publicação criteriosa e profissional para os membros das diferentes faixas etárias da comunidade acadêmica, acredita contribuir decisivamente para o futuro dos estudos literários.

A abertura no tocante à temática e à autoria é equilibrada pelo rigor na escolha dos trabalhos, que são avaliados por pareceristas de reconhecida competência na área. Aqueles aprovados são revisados por uma equipe formada no âmbito do próprio projeto, de modo a atingirem a correção requerida e se adequarem aos padrões editoriais do periódico.

 

Políticas de Seção

Artigos

Ideal para se focalizar uma das facetas de um determinado autor ou um traço específico da literatura. Entre suas fontes destacam-se as comunicações em eventos da área, para as quais se redigem papers que, reelaborados, podem render textos merecedores de publicação.

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Ensaios

A rigor, não se distingue do artigo, afinal qualquer texto que se escreve sobre literatura precisa manter o tom ensaístico. No entanto, em prol da absorção das diferentes produções dos pesquisadores, aqui se considera ensaio um escrito mais longo que o artigo.

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Entrevistas

O diálogo entre produtor e estudioso de poesia e ficção pode se mostrar analítico em sentido pleno. Além disso, faculta o estreitamento dos laços entre o campus e a cidade. O cultivo desse dinâmico gênero no âmbito da universidade se mostra ainda mais importante quando pensamos que quase não há mais suplementos literários nos grandes jornais do país.

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Resenhas

Esse gênero sucinto é estratégico na recepção de livros recém-lançados. Ao praticá-lo, os pesquisadores da área de Letras podem mobilizar a história e a teoria da literatura, de modo a vencerem as limitações da crítica meramente impressionista e lograrem o máximo de profundidade.

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares
 

Processo de Avaliação pelos Pares

Os textos são submetidos a um conselho editorial composto de especialistas em literatura brasileira contemporânea.

Os escritos que passam por esse crivo inicial são encaminhados, sem identificação de autoria ou filiação, a dois pareceristas, que, mesmo quando os recomendam para publicação, podem sugerir mudanças tanto na forma quanto no conteúdo.

Caso os pareceres divirjam, um dos membros do conselho editorial é designado para emitir um terceiro parecer, mediante o qual se chega ao resultado final.

 

Periodicidade

Semestral

 

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o saber científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

 

Arquivamento

Esta revista utiliza o sistema LOCKSS para criar um sistema de arquivo distribuído entre as bibliotecas participantes e permite às mesmas criar arquivos permanentes da revista para a preservação e restauração. Saiba mais...