Cristalização de superfície em vidro do sistema Li2O--ZrO2--SiO2--Al2O3

Antonio Pedro Oliveira, Alexandre Henrique Bortolotto Teixeira, Hugo Henrique Venturelli, Oscar Rubem Klegues Montedo

Resumo


A cinética de crescimento da camada superficial cristalizada em um vidro de composição do sistema LZSA,
11,7Li2O·12,6ZrO2·68,6SiO2·7,1Al2O3 (% massa), foi estudada. Para a produção do vidro, utilizou-se matérias-
primas comerciais (Li2CO3, ZrSiO4, SiO2, Al2O3), as quais foram homogeneizadas e fundidas a 1550 °C
por 120 min e então vazadas em molde metálico. Amostras do vidro obtido foram seccionadas e submetidas a
tratamentos térmicos em diferentes temperaturas (825--925 °C) e tempos (30--150 min) para formação e crescimento
da camada cristalina. Seções transversais das amostras tratadas termicamente foram lixadas e polidas,
tal que imagens das camadas cristalizadas pudessem ser visualizadas e medidas por microscopia. Os resultados
mostraram que é possível obter vidros do sistema LZSA com camadas cristalizadas contendo principalmente
espodumênio-β e silicatos de zircônio e lítio, de espessuras entre 13 e 665 μm, as quais crescem com
velocidades entre 0,4 e 4,8 μm/min no intervalo de temperatura estudado.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.