Desenvolvimento de geopolímeros de baixa condutividade térmica

Vanderlei Felizardo, Vitor de Souza Nandi, Karina Donadel, Rui Novais, João Labrincha, Alexandre Zaccaron

Resumo


Os materiais de isolamento térmico convencionais, tais como a lã de vidro e o poliestireno extrudado, possu-em importantes limitações técnicas. Os geopolímeros emergem como uma alternativa devido às suas excelen-tes propriedades. Neste trabalho, teve-se por objetivo descrever o desenvolvimento de geopolímeros de baixa condutividade térmica. Na produção dos geopolímeros utilizou-se metacaulim (Al2O3.2SiO2) que, devido à sua elevada reatividade, permite produzir polímeros inorgânicos, com propriedades físicas interessantes para aplicações em isolação térmica. Amostras de aluminossilicato foram ativadas com hidróxido de sódio (Na-OH) e silicato de sódio (Na2SiO3). Amostras de geopolímeros leves foram produzidas com adição de diferen-tes percentagens de um formador de poros (0,5, 1, 2, 3, 4%). As amostras produzidas foram caracterizadas quanto à: resistência, compressão, absorção de água, condutividade térmica, densidade aparente e microestru-tura.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.