A sociabilidade automatizada das crianças brasileiras nas redes sociais

Renata Tomaz, Amanda Antunes

Resumo


As redes sociais e as mídias interconectadas estão impondo uma nova realidade para a infância
e a adolescência, abrindo novos e diferentes espaços de sociabilidade e de afirmação do próprio
eu infanto-juvenil. Em um mundo dominado por conexões online, brincar e fazer amigos pode
ir muito além de estabelecer relações afetivas, realizar atividades lúdicas, especialmente para
quem busca ou já ganhou notoriedade em alguma das plataformas digitais que abrem espaço
para a transformação de crianças e adolescentes em empreendedores do entretenimento e da
propaganda.

Palavras-chave: crianças youtubers, sociabilidade automatizada, redes sociais, infância digital.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


NIPIAC – Núcleo Interdisciplinar de Pesquisa para a Infância e Adolescência Contemporâneas
Universidade Federal do Rio de Janeiro - Campus da Praia Vermelha
Av. Pasteur, 250 – Urca, Prédio da Decania do CFCH
Rio de Janeiro - RJ, Brasil | CEP 22.290-902