Controle e medicalização da infância

Maria Aparecida Afonso Moysés, Cecília Azevedo Lima Collares

Resumo


.

Texto completo:

PDF

Referências


Breggin, PR. Intoxication Anosognosia: the spellbinding effect of psychiatric drugs. Ethical Human Psychology and Psychiatric 8: 201-15, 1999.

Breggin, PR. Psychostimulants in the treatment of children diagnosed with ADHD: Risks and mechanism of action. International Journal of Risk e Safety in Medicine 12: 3–35, 1999.

COLLARES, CAL; MOYSÉS, MAA. Preconceitos no cotidiano escolar. Ensino e medicalização. São Paulo: Cortez-FE/FCM Unicamp, 1996.

CONRAD, P. Identifying Hyperactive Children: The medicalization of deviant behavior. Expanded ed. (Ashgate classics in sociology). Burlington: Ashgate Publishing Company, 2006.

CONRAD, P. The medicalization of society: on the transformation of human condition into treatable disorders. Baltimore: The Johns Hopkins University Press, 2007.

CHARACH, A.; DASHTI, B.; CARSON, P.; BOOKER, L.; LIM, C.G.; LILLIE, E.; YEUNG, E; MA, J; RAINA, P.; SCHACHAR, R. Attention Deficit Hyperactivity Disorder: Effectiveness of Treatment in At-Risk Preschoolers; Long-Term Effectiveness in All Ages; and variability in Prevalence, Diagnosis and Treatment. Comparative Effectiveness Report No. 44. (prepared by the McMaster University Evidence-based Practice Center under Contract No. MME2202 290-02-0020) AHRQ Publication No. 12-EHC003-EF. Rockville, MD: Agency for Healthcare Research and Quality. October 2011. Available at: www.effectivehealthcare.ahrq.gov/reports/final.cfm

DONNANGELO, M.C.F. Saúde e Sociedade. In; DONNANGELO, F. e PEREIRA, L., Saúde e sociedade. São Paulo: Duas Cidades. 1976.

ENTRALGO, P.L. Historia de la medicina. Barcelona: Salvat, 1982.

FOUCAULT, M.Historia de la medicalización. Educación médica y salud 11 (1): 3-25, 1977.

FOUCAULT, M. O nascimento da clínica. Rio de Janeiro: Forense-Universitária, 2ª ed., 1980.

ILLICH, I. A expropriação da saúde: nêmesis da medicina. Rio de Janeiro: Forense, 1982.

IRIART, C.; IGLESIAS-RIOS, L.. La (re)creación del consumidor de salud y la biomedicalización de la infancia. In: COLLARES, C.A.L., MOYSÉS, M.A.A., RIBEIRO, M.C.F. (Orgs.), Novas capturas, antigos diagnósticos na era dos transtornos. Campinas: Mercado de Letras, 2013. P. 21-40.

LEO, J. American Preschoolers on Ritalin. Society: 39(2): 52-60, 2002.

LUZ, M.T. As instituições médicas no Brasil: instituição e estratégia de hegemonia. Rio de Janeiro: Graal, 3ª ed., 1986.

MOYNIHAN, R.; CASSELS, A. Vendedores de doença: estratégias da indústria farmacêutica para multiplicar lucros. In: Pelizzoli, M.L., Bioética como novo paradigma: por um novo modelo bioético e biotecnológico. Petrópolis: Vozes, 2007. P. 151-156.

MOYSÉS, M.A.A.; COLLARES, C.A.L. Medicalização: elemento de desconstrução de direitos. In: Direitos Humanos : O que temos a ver com isso?, CRP-RJ, 2007.

MOYSÉS, M.A.A.; COLLARES, C.A.L. A história não contada dos distúrbios de aprendizagem. Cadernos CEDES, nº 28: 31-48, 1992.

MOYSÉS, M.A.A.; COLLARES, C.A.L. Desnutrição, fracasso escolar e merenda. In: SOUZA PATTO,

M.H.(org.) Introdução à psicologia escolar; 3ª edição revista e atualizada. São Paulo: Casa do Psicólogo, 1997. P. 223-256.

MOYSÉS, M.A.A.; COLLARES, C.A.L. Dislexia e TDAH: uma análise a partir da ciência médica. In: Conselho Regional de Psicologia SP; Grupo Interinstitucional Queixa Escolar (org.). Medicalização de crianças e adolescentes: conflitos silenciados pela redução de questões sociais a doenças de indivíduos. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2010. P. 125-156.

MOYSÉS, M.A.A.; COLLARES, C.A.L. Medicalização: o obscurantismo reinventado. In: COLLARES, C.A.L.; MOYSÉS, M.A.A.; RIBEIRO, M.C.F. (org.). Novas capturas, antigos diagnósticos na era dos transtornos. Campinas: Mercado de Letras, 2013.P. 41-64.

MOYSÉS, M.A.A.; LIMA, G.Z. Desnutrição e fracasso escolar: uma relação tão simples? In: Revista da ANDE, nº 5: 56-62, 1982.

SZASZ, T. The medicalization of everyday life: Selected essays. New York: Syracuse University Press, 2007.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2015 DESIDADES - Revista Eletrônica de Divulgação Científica da Infância e Juventude



NIPIAC – Núcleo Interdisciplinar de Pesquisa para a Infância e Adolescência Contemporâneas
Universidade Federal do Rio de Janeiro - Campus da Praia Vermelha
Av. Pasteur, 250 – Urca, Prédio da Decania do CFCH
Rio de Janeiro - RJ, Brasil | CEP 22.290-902