A atualidade de Flusser

Antônio Fatorelli

Resumo


A recente reedição no Brasil desse já clássico livro do pensador tcheco-brasileiro Vilém Flusser reacende a polêmica sobre as questões que envolvem a produção, a circulação e o consumo de imagens na atualidade. Considerado por artistas e críticos como antecipatório de muitos dos desdobramentos mais recentes por que têm passado nossas sociedades pós-industriais, este ensaio, que teve sua primeira edição no Brasil em 1983, oferece uma oportunidade para se relançar certas indagações e, porque não, como desejaria o autor, despertar novas discussões.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.29146/eco-pos.v7i2.1126

Apontamentos

  • Não há apontamentos.