Crédito e confiança: Uma análise das relações econômicas entre agricultores familiares na comunidade de São Lourenço, Nova Friburgo – RJ

Natália Barroso Brandão

Resumo


Este artigo trata das relações de crédito entre agricultores familiares da comunidade de São Lourenço, em Nova Friburgo – RJ. Essas relações, que muitas vezes substituem os empréstimos institucionais, são realizadas sem nenhum tipo de formalização e são orientadas por valores e moralidades diferentes daqueles promovidos pelo direito positivo e pelo sistema econômico, mas permitem que os agricultores figurem no “mercado”, tornando-se competitivos. Discuto duas moralidades vigentes concomitantemente nelas: a representada como local, que diz respeito às pessoas envolvidas na relação; e a relacionada à lógica do direito positivo e do sistema econômico, que diz respeito à promoção dos princípios igualitários de uma ideologia individualista, baseada em regras determinadas e impessoais.


Palavras-chave


antropologia econômica, crédito, moralidades, contrato, agricultura familiar

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

Enfoques - Revista de discentes do PPGSA/IFCS/UFRJ
Programa de Pós-Graduação em Sociologia e Antropologia
Largo de São Francisco, nº 1 - Sala 420 - Rio de Janeiro - RJ - 20051-070