Se Questo è un Uomo: Primo Levi e o paradigma biopolítico da modernidade

Lucas Amaral de Oliveira

Resumo


Depois de Auschwitz, ganharam evidência alguns estudos voltados para a chamada “literatura de testemunho”, sobretudo aqueles que adotaram como objeto de suas análises as experiências de sobreviventes dos campos de extermínio. O escritor italiano Primo Levi, certamente, foi um dos expoentes desse estilo literário e, com efeito, um dos nomes mais referidos até então. Tendo isso em vista, partiremos dos relatos levinianos, primeiro, para compreender parte da história de degradação da vida ocorrida no Lager, e, posteriormente, para averiguar as semelhanças entre os espaços de exceção nazistas e os que se instituem hoje.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2015 Revista Habitus

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.