OS SONHOS E A HISTÓRIA: LO SOMNI (1399) DE BERNAT METGE

Ricardo Costa

Resumo


No final do século XIV, Bernat Metge, funcionário da Chancelaria do rei João I de Aragão, o Caçador (1350-1396), redigiu sua obra mestra, Lo somni (O sonho), texto que praticamente introduziu, de modo precoce, o Humanismo na Península Ibérica. A proposta dessa conferência, após a definição prévia do conceito de Humanismo, é apresentar a nossa tradução da obra, a primeira em língua portuguesa (e a partir do texto original, em catalão antigo), trabalho desenvolvido no âmbito do projeto IVITRA (Institut Virtual Internacional de Traducció – Universitat d’Alacant). A seguir, discorreremos sobre a estrutura e o conteúdo de Lo somni, seu universo literário-filosófico, para analisar, de modo mais incisivo, o último e instigante tema abordado na obra: a imagem literária da condição feminina no final da Idade Média.

Palavras-chave


Lo Somni; Bernat Metge; Humanismo; Península Ibérica

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.