Análise da Percepção dos Gestores e Empreendedores de um Parque Tecnológico e de uma Incubadora Empresarial

Alexandre André Feil, Samuel Martim De Conto

Resumo


Historicamente, os micros empreendimentos criados no país necessitam de auxílio e apoio nos anos iniciais de existência, afim de aumentarem a possibilidade de sobrevivência e de crescimento. A maximização das potencialidades produtivas de uma região, por meio de parcerias público-privadas podem alçá-la num novo patamar produtivo. Iniciativas de apoio aos micros empreendimentos e às empresas já constituídas tornaram-se também um dos objetivos das Instituições de Ensino Superior (IES) brasileiras. Nesse sentido, este estudo objetiva realizar uma análise crítica sobre o alinhamento entre os ideais dos gestores e dos empreendedores de um parque tecnológico e de uma incubadora de empresas criados e mantidos por uma IES brasileira. Para isso, metodologicamente o estudo foi de caráter quali-quanti, realizado em duas etapas: a primeira, por meio de entrevistas em profundidade com os dois gestores das estruturas de apoio às empresas; a segunda, por meio de levantamento da opinião dos empreendedores que estão atuando nessas estruturas da IES. Os principais resultados do estudo apontam para as dificuldades de entendimento dos interessados dos objetivos destas estruturas de apoio às empresas, bem como, na opinião das empresas incubadas, a busca de apoio e suporte qualificados necessários à existência e longevidade dos negócios criados.


Palavras-chave


Empreendedorismo. Gestão. Tecnovates. Inovates.

Texto completo:

PDF

Referências


ANPROTEC. Estudo de impacto econômico: segmento de incubadoras de empresas do Brasil / Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores. -- Brasília, DF: ANPROTEC: SEBRAE, 2016.

ANPROTEC - Parques & Incubadoras para o desenvolvimento do Brasil: Estudo de Práticas de Parques Tecnológicos e Incubadoras de Empresas / Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação -- MCTI ; Brasília : MCTI, 2015.

BENNETT, Dag; YÁBAR, Diana Pérez-Bustamante; SAURA, José Ramón. University Incubators May Be Socially Valuable, but How Effective Are They? A Case Study on Business Incubators at Universities. In: PERIS-ORTIZ, M., GÓMEZ, J.A., MERIGÓ-LINDAHL, J.M., RUEDA-ARMENGOT, C. Entrepreneurial Universities. Springer International Publishing, 2017. p. 165-177.

BLOK, Vincent; THIJSSEN, Sander; PASCUCCI, Stefano. Understanding Management Practices in Business Incubators: Empirical Evidence of the Factors Impacting the Incubation Process. International Journal of Innovation and Technology Management, v. 14, n. 4, p. 1-23, 2017.

CALMANOVICI, Carlos Eduardo. A inovação, a competitividade e a projeção mundial das empresas brasileiras. Revista USP, n. 89, p. 190-203, 2011.

CAULLIRAUX, H. M. Modelo de gestão para incubadora de empresas: uma estrutura de indicadores de desempenho. Rio de Janeiro: Rede de Incubadoras do Rio de Janeiro, 2001.

CHANDRA, Aruna; MEDRANO SILVA, Maria Alejandra. Business incubation in Chile: Development, financing and financial services. Journal of technology management & innovation, v. 7, n. 2, p. 1-13, 2012.

CHEN, Chung-Jen. Technology commercialization, incubator and venture capital, and new venture performance. Journal of Business Research, v. 62, n. 1, p. 93-103, 2009.

DAHLSTRAND, Lindholm Ã…sa; POLITIS, Diamanto. Women business ventures in Swedish university incubators. International Journal of Gender and Entrepreneurship, v. 5, n. 1, p. 78-96, 2013.

DIYAMETT, Bitrina; THOMAS, Heric. Universities and Innovation in Tanzania: Social or Commercial? In: BRUNDENIUS, Claes; GÖRANSSON, Bo; DE MELLO, José Manoel Carvalho. Universities, Inclusive Development and Social Innovation. Universities, Inclusive Development and Social Innovation. Springer International Publishing, 2017. p. 199-221.

DÍEZ-VIAL, Isabel; MONTORO-SÁNCHEZ, Angeles. From incubation to maturity inside parks: the evolution of local knowledge networks. International Journal of Technology Management, v. 73, n. 1-3, p. 132-150, 2017.

FEE. Fundação de Economia e Estatística. Dados da região do Vale do Taquari. Disponível em: http://www.fee.rs.gov.br. Acesso em: 01 de março de 2017.

HAUSBERG, J. Piet; KORRECK, Sabrina. A Systematic Review and Research Agenda on Incubators and Accelerators. Paper to be presented at the Academy of Management Annual Meeting 2017, Atlanta (GA).

IASP - International Association of Science Parks. Knowledge bites science park (IASP official definition). 2017. Disponível em:

IBGE. Instituto de Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Dados da região do Vale do Taquari. Disponível em: http://www.ibge.gov.br/home. Acesso em: 01 de março de 2017.

JAMIL, Farhan; ISMAIL, Kamariah; MAHMOOD, Nasir. A review of commercialization tools: University incubators and technology parks. International Journal of Economics and Financial, v. 5, n. 1, p. 223-228, 2015.

JUNAID AHMAD, Ali. A mechanisms-driven theory of business incubation. International Journal of Entrepreneurial Behavior & Research, v. 20, n. 4, p. 375-405, 2014.

LOBOSCO, Antonio; FERNANDES, Marcelo Eloy; MACHADO, Júlio César. A gestão de projetos aplicada no gerenciamento de incubadoras de empresas de base tecnológica. Latin American Journal of Business Management, v. 7, n. 1, p. 167-196, 2016.

LUNDQVIST, Mats A. The importance of surrogate entrepreneurship for incubated Swedish technology ventures. Technovation, v. 34, n. 2, p. 93-100, 2014.

MÄ‚DÄ‚LINA, Maticiuc; CONSTANTIN, Petrache Alexandru. Industrial parks and business incubators as clustering incipient forms. Quality-Access to Success, v. 18, p. 304-307 2017.

M'CHIRGUI, Z.; GUERFALI, A.; LAMINE, W.; AISSA, M. S. Boosting new venture projects through incubator development programme. Applied Economics Letters, v. 22, n. 6, p. 436-440, 2015.

PALUMBO, Federica; DOMINICI, Gandolfo. University Incubator as Catalyst of Resources for Academic Spin-Offs: The Case of Arca Consortium. In: Proceedings of the 1st International Conference on Management, Marketing, Tourism, Retail, Finance and Computer Applications (MATREFC '13). Dubrovnik, Croatia. WSEAS Press, June 25-27, 2013.

PEREIRA, Maurilio J.; OLIVEIRA, Edson A. A. Q.; OLIVEIRA, Adriana L. Origens dos parques tecnológicos e as contribuições para o desenvolvimento regional brasileiro. Latin American Journal of Business Management, v. 7, n. 1, p. 117-138, 2016.

RIBEIRO, Simone Abreu; ANDRADE, Raphael Medina Gomes; ZAMBALDE, André Luiz. Incubadoras de empresas, inovação tecnológica e ação governamental: o caso de Santa Rita do Sapucaí (MG). Cad. EBAPE.BR, v. 3, p. 01-14, 2005.

SANNI, Maruf; EGBETOKUN, A. A.; SIYANBOLA, W. O. A model for the design and development of a Science and Technology Park in developing countries. International Journal of Management and Enterprise Development, v. 8, n. 1, p. 62-81, 2010.

SANTANA, Naiane L.; HANSEN, Peter B. Avaliação de Desempenho de Parques Tecnológicos: Proposta a Partir de um Estudo no TECNOPUC. Navus-Revista de Gestão e Tecnologia, v. 6, n. 4, p. 72-87, 2016.

SEBRAE. Serviço Brasileiro de Apoio ás Micro e Pequenas Empresas. Sobrevivência das

Empresas no Brasil. SEBRAE, outubro de 2016. Disponível em: https://www.sebrae.com.br/Sebrae/Portal%20Sebrae/Anexos/sobrevivencia-das-empresas-no-brasil-relatorio-2016.pdf. Acesso em: 01 de março de 2017.

SEVERINO, A. J. Metodologia do trabalho científico. 23. ed. São Paulo: Cortez. 2007.

SOETANTO, Danny P.; JACK, Sarah L. Business incubators and the networks of technology-based firms. The Journal of Technology Transfer, v. 38, n. 4, p. 432-453, 2013.

SPOLIDORO, Roberto; AUDY, Jorge. Parque científico e tecnológico da PUCRS: TECNOPUC. Edipucrs, 2008.

STEINER, João E.; CASSIM, Marisa Barbar; ROBAZZI, Antonio Carlos. Parques tecnológicos: ambientes de inovação. Revista IEA, São Paulo, p. 1-40, 2008.

TECNOVATES. Informações a respeito da incubadora de empresas. Disponível em: . Acesso em: 03 mar. 2017.

THEODORAKOPOULOS, Nicholas; KAKABADSE, Nada; MCGOWAN, Carmel. What matters in business incubation? A literature review and a suggestion for situated theorising. Journal of Small Business and Enterprise Development, v. 21, n. 4, p. 602-622, 2014.

UNIVATES. Univates em números. Disponível em: . Acesso em: 03 mar. 2017.

VEDOVELLO, Conceição; JUDICE, Valéria; MACULAN, Anne-Marie. Revisão crítica às abordagens a parques tecnológicos: Alternativas interpretativas às experiências brasileiras recentes. RAI: Revista de Administração e Inovação, v. 3, n. 2, p. 103-118, 2006.

ZOUAIN, Deborah Moraes; SILVEIRA, Aristeu Coelho da. Aspectos estratégicos do modelo de gestão em incubadoras de empresas de base tecnológica. Cadernos Ebape, v. 4, n. 3, p. 01-14, 2006.




DOI: https://doi.org/10.21446/scg_ufrj.v13i3.13945

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Alexandre André Feil, Samuel Martim De Conto

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Indexadores: 

Directory of Open Access Journals Scholar  EBSCO   

 
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Vínculo Institucional:

Programa de Pós-Graduação em Ciências Contábeis 
Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) 
Av. Pasteur, 250 - Urca - Rio de Janeiro - 22.290-240 
Tel./Fax: (21) 3938-5119

Ficha Catalográfica:

Sociedade, Contabilidade e Gestão [recurso eletrônico]/ Programa de Pós-Graduação em Ciências Contábeis da Universidade Federal do Rio de Janeiro. -- v. 1, n. 1, 2° semestre de 2006 -- Rio de Janeiro: UFRJ, 2006-.v. 
Quadrimestral 
Semestral 2006-2012
ISSN 1982-7342

1. Contabilidade e Gestão. I. Universidade Federal do Rio de Janeiro -- Faculdade de Administração e Ciências Contábeis.