Sergio rodrigues e a brasilidade no mobiliário. Uma Oca para uma tribo burguesa

Autores

  • Gloria Costa

DOI:

https://doi.org/10.60001/ae.n28.p58%20-%2065

Resumo

Este artigo propõe uma reflexão acerca da brasilidade presente em alguns móveis criados pelo arquiteto e designer Sergio Rodrigues na sua loja-galeria Oca, cuja produção abriu novos rumos para o design do móvel no país. Intenciona-se realizar uma leitura semiológica dos móveis, significando debruçar-se sobre o universo simbólico da cultura material, considerando a inserção do mobiliário em uma dinâmica social e cultural.

Downloads

Publicado

2018-10-01

Edição

Seção

Artigos