SOBRE A ARTE ENTRE OS SÉCULOS 19 E 20: UMA ABORDAGEM A PARTIR DAS REPRESENTAÇÕES DO ATELIÊ VAZIO / On art between the 19th and 20th centuries: an approach from representations of the empty studio

Natália dos Santos Nicolich

Resumo


O estudo da história da arte no Brasil costumava tratar o século 19 e o 20 como dois períodos bastante distintos, quase conflitantes, sobre os quais não era possível conceber que houvesse diálogo. Nos últimos anos, com as revisões historiográficas sobre a abordagem modernista, os pesquisadores valorizaram a produção oitocentista e por consequência abriram o campo para novas possibilidades de estudo sobre a arte nas primeiras décadas dos anos 1900. O presente artigo intenciona contribuir com essas pesquisas, propondo uma leitura para além das transformações estéticas ocorridas nesse período, tendo como ponto de partida as representações do ateliê vazio. Assim, considerando o ateliê vazio um tema por excelência na arte do século 19, investigamos sua persistência no século 20 apesar das mudanças de paradigma na pintura. Para tanto, reunimos algumas obras realizadas entre os anos 1880 e 1950 aproximadamente, nas quais observamos aspectos sobre a posição do artista como profissional, a concepção da arte e da realidade que os cerca.


Palavras-chave
Ateliê vazio. Séculos 19 e 20. Pintura. Artista.

 


Abstract


The study of Art History in Brazil used to treat the 19th century and the 20th century as two very distinct, almost conflicting periods, about which it was not possible to conceive that there were dialogues. In recent years, with the historiographic revisions on the modernist approach, researchers have valued the nineteenth-century production and consequently opened the field to new possibilities of studying art in the early 1900s. The present article intends to contribute to this research, proposing a reading beyond the aesthetic transformations that occurred in this period, taking as a starting point the representations of the empty studio. Thus, considering the empty studio a theme par excellence in 19th century art, we investigate its persistence in the 20th century despite the paradigm shifts in painting. To this end, we gathered some works from approximately 1880 to 1950, in which we observed aspects about the position of the artist as a professional, the conception of art and the reality that surrounds them.


Keywords:
Empty studio. 19th and 20th centuries. Painting. Artist.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.37235/ae.n42.14

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2021 Arte & Ensaios

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.