Riegl e Benjamin: arte, história e teoria moderna

Sheila Cabo Geraldo

Resumo


Este texto é parte de um capítulo sobre historiografia que compõe a tese de doutorado Arte e Modernidade Germânica, apresentada ao Departamento de História da UFF. Trata-se de análise teórica da permanência do pensamento histórico-crítico de Alois Riegl na filosofia da história e na metodologia de Walter Benjamin ao tratar da arte e dos objetos artísticos.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2022 Arte & Ensaios

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.