Vulnerabilidade do Aquífero nas Proximidades do Cemitério Municipal de Caçapava do Sul -- Rio Grande do Sul, Brasil

Milene Priebe e Silva, Leonardo Rosa da Silva, Kelly Andressa Liesenfeld, Lucas Martini, Pedro Daniel da Cunha Kemerich, Leônidas Luiz Volcato Descovi Filho, Gabriel D´Avila Fernandes

Abstract


Considerando a avaliação da vulnerabilidade de aquíferos à contaminação, um importante mecanismo para gestão dos recursos hídricos subterrâneos, elaborou-se esta pesquisa. O presente estudo teve como objetivo determinar à vulnerabilidade natural a contaminação das águas subterrâneas nas imediações do cemitério Municipal de Caçapava do Sul-RS, município localizado na região central do Estado do Rio Grande do Sul. A partir de informações geológicas e hidrológicas do local, determinou-se a vulnerabilidade utilizando a metodologia GOD, correspondente a G -- groundwater hydraulic confinement; O -- overlaying strata; D -- depth to groundwater table, elaborada por Foster et al. (2006). Os resultados demonstraram que este município apresenta grande área vulnerável que abrange, além do entorno do cemitério, o centro da cidade, pois além de encontrar-se sobre um aquífero fraturado, que apresenta níveis freáticos semiaflorantes a aflorantes, o cemitério carece de uma estrutura que impeça possíveis contaminações. Fundamentado por isto, reflete-se a necessidade de uma melhor gestão na implantação de cemitérios em centros urbanos.


Keywords


Necrochorume; Método GOD; Vulnerabilidade da Água Subterrânea; Necrópole

References


Bitencourt, M.F. 1983. Metamorfitos da região de Caçapava do Sul, RS: Geologia e relações com o corpo granítico. In: SIMPÓSIO SUL-BRASILEIRO DE GEOLOGIA. Porto Alegre: SBG, 1983, p. 37-48.

BRASIL. Conselho Nacional do Meio Ambiente. Resolução nº 335, de 3 de abril de 2003. Dispõe sobre o licenciamento ambiental de cemitérios. Disponível em: . Acesso em: 10 Jan. 2016.

Cardoso, M.D. 2005. Análise da deformação na borda noroeste do Complexo Granítico Caçapava do Sul. Curso de graduação em Geologia, Universidade do Vale do Rio dos Sinos, Trabalho de Conclusão de Curso, 66 p.

CPRM. 2006. Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais. Mapa geológico do Rio Grande do Sul, escala 1:750.000. CPRM: Brasília, 2006.

Cutrim, A.O. & Campos, J.E.G. 2010. Avaliação da vulnerabilidade e perigo à contaminação do aquífero furnas na cidade de Rondonópolis (MT) com aplicação dos métodos GOD e POSH. Geociências, 29(3): 401-4011

Fambrini, G.L. 2003. O Grupo Santa Bárbara (Neoproterozóico III) a norte do rio Camaquã, Rio Grande do Sul, Brasil. Tese de Doutoramento, Instituto de Geociências, Universidade de São Paulo, 293 p.

Flauzino, R.F.; Santos, R.S. & Oliveira, R.M. 2011. Indicadores Socioambientais para Vigilância da Dengue em Nível Local. Saúde Soc. São Paulo, 20 (1): 225-240.

Foster, S.S.D. 1987. Fundamental concepts in aquifer vulnerability, pollution risk and protection strategy. Vulnerability of soil and groundwater to pollutants, 38 : 69-86.

Foster, S.S.D. & Hirata, R.C. 1988. Groundwater pollution risk evaluation: the methodology using available data. Lima: WHO/PAHO/HPE/CEPIS, 86 p.

Foster, S.S.D.; Hirata, R.C.A.; Gomes, D.; D'elia, M. & Paris, M. 2006. Proteção da Qualidade da Água Subterrânea: um guia para empresas de abastecimento de água, órgãos municipais e agências ambientais. Groundwater Management Advisory GW.MATE WB. 104p.

IBGE -- Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Censo Demográfico/2010. Disponível em: Acesso em: 13 fev. 2016.

Kemerich, P.D.C.; Bianchini, D.C.; Fank, J.C.; Borba, W.F.; Weber, D.P. & Ucker, F.E. 2014. A questão ambiental envolvendo os cemitérios no Brasil. Revista Monografias Ambientais--REMOA, LPMA/UFSM, 13(5): 3777-3785.

Kemerich, P.D.C.; Ucker, F.E. & Borba, W.F. 2012. Cemitérios como fonte de contaminação ambiental. Scientific American Brasil, 123: 78-81.

Kemerich, P.D.C.; Descovi Filho, L.L.V.; Ucker, F.E. & Foletto, C.V. 2010. Influência dos cemitérios na contaminação da água subterrânea em Santa Maria -- RS. Águas Subterrâneas, 24(1): 129-141

Maia, P.H.P. & Cruz, M.J.M. 2011. Um novo método para avaliar a vulnerabilidade de aquíferos. Braz. J. Aquat. Sci. Technol., 15(2): 29-40.

Natal, D.; Gonçalves, E.F.B. & Taveira, L.A. 1997. Proliferação de Mosquitos (Diptera, , Cul/Cidae) em Cemitérios e Perspectivas de Controle. IESUS, VI (2): 104-109.

Schneider, R.L.; Muhlmann, H.; Tommasi, E.; Medeiros, R.A.; Daemon, R.F. & Nogueira, A.A. 1974. Revisão Estratigráfica da bacia do Paraná. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE GEOLOGIA, 28, Porto Alegre, 1974. Anais, 1: 41-65.

Serviço de Informações de Água Subterrânea -- SIAGAS. 2016. Disponível em: Acesso em: 6 jan. 2016.

Silva, R.W.C. & Malagutti Filho, W. 2009. Cemitérios: fontes potenciais de contaminação. Revista Ciência Hoje, 244 : 24-29.

Terra L.G.; Schiavo, B.N.V.; Fernandes, G.D.; Borba, W.F. & Silva, J.L.S. 2016. Estimativa da vulnerabilidade natural à contaminação do aquífero no município de São Sepé- RS. Revista Monografias Ambientais -- REMOA, 15(1): 85-93

Vrba J. & Zaporozec A. 1994. Guidebook on mapping groundwater vulnerability. (International contributions to hydrogeology). Germany, Heise Hannover. 156 p.




DOI: https://doi.org/10.11137/2017_1_206_216

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.

SCImago Journal & Country Rank
Associado Diadorim Associado Latindex ROAD ISSN REDIB ISSN Google Acadêmico DRJI DOAJ GeoRef Clarivate

ISSN 0101-9759 e-ISSN 1982-3908