Análise Preliminar dos Índices de Instabilidade a Partir de Simulações Realizadas com o Modelo Weather Research and Forecasting (WRF) para o Sul do Brasil

Jeferson Prietsch Machado, Camila de Souza Cardoso, Mário Francisco Leal de Quadro, Tayná Domingues de Almeida, Natália Martins Costa, Gabriel Luan Rodrigues, Tuanny Steffane Rodrigues, Lourenço Alves de Paula

Abstract


Este trabalho teve por objetivo avaliar a capacidade do modelo WRF em simular os índices de instabilidade em situações de tempestades durante primaveras com o fenômeno El Niño/Oscilação Sul no Sul do Brasil em quatro cidades: Curitiba, Florianópolis, Foz do Iguaçu e Porto Alegre. O modelo WRF foi utilizado para a realização das simulações, sendo que os valores dos índices K e TT foram simulados de forma satisfatória pelo WRF e razoavelmente para o LI. Os valores da CAPE simulados pelo WRF foi o que apresentaram as maiores diferenças em relação às observações. Com relação ao comportamento dos índices K, TT e LI em relação às mensagens METAR, observou-se que os valores extremos simulados ocorreram muito próximos aos registros de tempo instável nos aeroportos.

Keywords


Tempestades; Modelo WRF; Índices de instabilidade

References


Bender, F.D. 2012. Verificação da previsão de tempo em São

Paulo com o modelo operacional WRF. Programa de

Pós-graduação em Meteorologia, Universidade de São

Paulo, Dissertação de Mestrado, 136p.

Beneti, C.A. & Silva Dias, M.A. 1986. Análise da performance

de índices de instabilidade como previsores de

tempestades na região de São Paulo. In: ANAIS DO IV

CONGRESSO BRASILEIRO DE METEOROLOGIA,

, Brasília, Anais, 1992. p. 65-70.

Bonner, W.D. 1968. Climatology of the low level jet. Monthly

Weather Review, 96: 833-850.

Brasil, G.S. & Quadro, M.F.L. 2014. O uso da Computação

Paralela para Potencializar o Rendimento dos

Processadores no Processamento do Modelo de Previsão

Numérica WRF. Revista Científica Semana Acadêmica,

:1-17.

Dee, Dick, P.; Uppala, S.; Simmons, A.J.; Berrisford, P.; Poli, P.;

Kobayashi, S.; Andrae, U.; Balmaseda, M.A.; Balsamo,

G.; Bauer, P.; Bechtold, P.; Beljaars, A.C.M.; van de

Berg, L.; Bidlot, J.; Bormann, N.; Delsol, C.; Dragani,

R.; Fuentes, M.; Geer, A.J.; Haimberger, L.; Healy,

S.B.; Hersbach, H.; Hólm, E.V.; Isaksen, L.; Kållberg, P.; Köhler, M.; Matricardi, M.; McNally, A.P.; Monge-

Sanz, B.M.; Morcrette, J.-J.; Park, B.-K.; Peubey, C.;

de Rosnay, P.; Tavolato, C.; Thépaut, J.-N. & Vitart, F.

The ERA‐Interim reanalysis: Configuration and

performance of the data assimilation system. Quarterly

Journal of the royal meteorological society, 137(656):

-597.

Fedorova, N.; Levit, V. & Carvalho, M.H. 2010. Estrutura

Vertical da Troposfera Associada com Nuvens

Cumulunimbus e Nimbustratus em Pelotas, RS. Revista

Brasileira de Meteorologia, 25(4): 487-500.

Fogaccia, C.V.C. & Pereira Filho, A.J. 2002. Turbulência e

cisalhamento do vento na área do Aeroporto Internacional

de São Paulo/Guarulhos. In: ANAIS DO XII

CONGRESSO BRASILEIRO DE METEOROLOGIA,

Foz do Iguaçu, Anais, 2002.

Grimm, A.M.; Ferraz, S.E.T. & Gomes, J. 1998. Precipitation

anomalies in Southern Brazil associated with El Niño

and La Niña events. Journal of Climate, 11: 2863-2880.

Grimm, A.M. 2004. How do La Niña events disturb the summer

monsoon system in Brazil? Climate Dynamics, 22(2-3):

-138.

Grimm, A.M. 2003. The El Niño Impact on Summer Monsoon

in Brazil: Regional Processes versus Remote Influences.

Journal of Climate, 16: 263-280.

Hallak, R. & Pereira Filho, A.J. 2012. Análise de desempenho

de índices de instabilidade atmosférica na previsão

de fenômenos convectivos de mesoescala na região

metropolitana de São Paulo entre 28 de janeiro e 04 de

fevereiro de 2004. Revista Brasileira de Meteorologia,

: 173-206.

Hallak, R. & Pereira Filho, A.J. 2011. Metodologia para análise

de desempenho de simulações de sistemas convectivos

na região metropolitana de São Paulo com o modelo

ARPS: sensibilidade a variações com os esquemas de

advecção e assimilação de dados. Revista Brasileira de

Meteorologia, 26(4): 591-608.

Kiladis, G.N. & Mo, K. 1998. Interannual and intraseasonal

variability in the Southern Hemisphere. Meteorological

Monographs – American Meteorological Society,

(49): 307-333.

Kim, S.I. 1998. Análise da variabilidade e variação dos El

Niño, oscilação Sul e chuvas nos estados do Rio

Grande do Sul e Santa Catarina do Brasil. In: XIV

CONGRESSO BRASILEIRO DE METEOROLOGIA,

Brasília, Anais, 1998.

Marengo, J.A.; Ambrizzi, T. & Soares, W.R. 2009. Jatos de

Baixos Níveis ao longo dos Andes. In: CAVALCANTI,

I.F.A.; FERREIRA, N.J.; DIAS, M.A.F. & JUSTI,

M.G.A. (Org.), Tempo e Clima no Brasil. São Paulo,

Oficina de textos, p. 375-384.

Nascimento, E. 2005. Previsão de tempestades severas

utilizando-se parâmetros convectivos e modelos de

mesoescala: Uma estratégia operacional adotável no

Brasil? Revista Brasileira de Meteorologia, 20(1):

-140.

Oliveira, E.M.G. 2014. Parametrizações convectivas no

modelo WRF e sua relação com a precipitação durante

ciclogêneses no Sudeste da América do Sul. Programa

de Pós-graduação em Meteorologia, Universidade de

Santa Maria, Dissertação, 92p.

Paula, L.A.; Wuadro, M.F.L.; Cardoso, C.; Rodrigues, G.L.;

Machado, J.P.; Rodrigues, T.S. & Costa, N.M. 2015.

Estudo dos índices de instabilidade em primaveras de El Niño no Sul do Brasil. In: ANAIS DO XII

CONGRESSO ARGENTINO DE METEOROLOGIA,

Mar del Plata, Anais, 2015.

Ropelewski, C.F. & Halpert, M.S. 1987. Global and regional

scale precipitation patterns associated with the El Niño

Southern Oscillation. Monthly Weather Review, 115:

-1626.

Silva, F.P.; Silva, M.G.A.J.; Menezes, W.F. & Almeida, V.A.

Atmospheric Indicators Evaluation Using WRF

Numerical Model in Rainfall Events in the City of

Rio de Janeiro. Anuário do Instituto de Geociências,

(2): 81-90.

Silva Dias, M.A.F. 2000. Índices de Instabilidade para Previsão

de Chuva e Tempestades Severas. Disponível em

master.iag.usp.br/static/downloads/apostilas/indices.

pdf>. Acesso em 04 de abril de 2017.

Simmons, A.; Uppala, C.; Dee, D. & Kobayashi, S. 2007. ERAInterim:

New ECMWF reanalysis products from 1989

onwards. ECMWF Newsletter, 110: 25-35.

Skamarock, W.C.; Klemp, J.B.; Dudhia, J.; Gill, D.O.; Barker,

D.M.; Duda, M.G.; Huang, X.-Y.; Wang, W. & Powers,

J.G. A. 2008. Description of the Advanced Research

WRF Version 3. National Center for Atmospheric

Research (NCAR). Boulder, Colorado (EUA), p. 125.

Tavares, J.P.N. & Mota, M.A.S. 2012. Condições termodinâmicas

de eventos de precipitação extrema em Belém – PA

durante a estação chuvosa. Revista Brasileira de

Meteorologia, 27(2): 207-218.

Tedeschi, R.G. 2008. Impacto de Episódios EL Niño e La

Niña Sobre a Frequência de Eventos Extremos de

Precipitação e Vazão na América do Sul. Programa de

Pós-graduação em Engenharia de Recursos Hídricos e

Ambiental, Universidade Federal do Paraná, Dissertação

de Mestrado, 159p.

Zepka, G.S. 2011. Previsão de descargas atmosféricas

usando o modelo de mesoescala WRF. Programa

de Pós-graduação em Geofísica Espacial/Ciências

Atmosféricas, Instituto Nacional de Pesquisas

Espaciais, Tese de Doutorado, 148p.




DOI: https://doi.org/10.11137/2017_2_153_162

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.