Ajuste de Equação IDF por Desagregação de Chuvas Diárias para o Município de Iraí, RS

Nathana Karina Swarowski Arboit, Malva Andrea Mancuso, Mariele Fioreze

Abstract


Chuvas intensas são fenômenos meteorológicos responsáveis pelo escoamento de elevados volumes de água, em curto intervalo de tempo. Nesse cenário, as equações IDF são de interesse para a elaboração de projetos que necessitam deinir a chuva de projeto, como os de obras hidráulicas e sistemas de drenagem. Esse trabalho apresenta a relação Intensidade-Duração-Frequência de chuvas intensas para o município de Iraí, Rio Grande do Sul, por meio do emprego de coeicientes de desagregação de chuvas diárias. Foi utilizada a distribuição probabilística de Gumbel, considerando as durações de 5, 10, 15, 20, 25, 30, 60, 360, 480, 600, 720 e 1.440 minutos e os tempos de retorno de 2, 5, 10, 15, 20, 25, 50 e 100 anos. Os parâmetros ajustados por meio do Método dos Mínimos Quadrados foram: K = 1086,604; a = 0,184; b = 9,886, e; c = 0,728. O coeiciente de determinação (R²), calculado pela relação entre os dados observados e estimados, foi de 0,9971, reletindo a qualidade do ajuste. Não foram veriicadas diferenças estatísticas signiicativas, por meio do teste t-pareado, entre os dados observados e estimados, o que indica a validade da aplicação da equação IDF obtida.

Keywords


Precipitações máximas; Curvas IDF; Distribuição de Gumbel



DOI: https://doi.org/10.11137/2017_3_248_253

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.