Análise do Potencial de Gravidade nas Estações da Rede Maregráfica Permanente para Geodésia Obtido com Diferentes Modelos Geoidais

Valéria Cristina Silva, Gabriel do Nascimento Guimarães

Abstract


A fim de unificar o sistema de altitudes no país e atender as exigências em termos de acurácia da Geodésia moderna, a Associação Internacional de Geodésia coloca que as altitudes devem ser baseadas em uma superfície equipotencial do campo de gravidade da Terra com o potencial W0. Este trabalho objetiva calcular o potencial nas estações maregráficas pertencentes à Rede Maregráfica Permanente para Geodésia (RMPG), utilizando seus níveis de referência, modelos globais do geopotencial, como os modelos GECO, EIGEN-6C4, XGM2016 e o modelo brasileiro oficial do geoide, MAPGEO2015. Para determinar o valor de W0, a Topografia do Nível Médio do Mar (TNMM) também foi calculada. Os resultados comparados com a literatura mostraram valores entre -0,01 a 0,45 m para a TNMM e valores de potencial para as estações em torno do valor de calculado globalmente de 62636853, 4m2s-2.

Keywords


Geopotencial; Geodésia; Topografia do Nível Médio do Mar; Datum Vertical



DOI: https://doi.org/10.11137/2018_3_605_613

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.

SCImago Journal & Country Rank
Associado Diadorim Associado Latindex ROAD ISSN REDIB ISSN Google Acadêmico DRJI DOAJ GeoRef Clarivate

ISSN 0101-9759 e-ISSN 1982-3908