PRK-30: HUMOR RADIOFÔNICO NA CIDADE DO RIO DE JANEIRO NOS ANOS 1940 E 1950

Winner Soares Baptista Filho

Resumo


Estas notas de pesquisa apresentam alguns aspectos da história do PRK-30, programa humorístico de rádio, veiculado por várias emissoras da cidade do Rio de Janeiro e de São Paulo durante vinte anos ininterruptos (1944 - 1964). Este período abarca desde o início da carreira de Lauro Borges e Castro Barbosa até o término e decadência do programa, quando também ocorreu o advento da televisão. Ademais são abordadas as mudanças no fazer humor da década de 1950 e o surgimento de novos humoristas, tais como Chico Anysio, Max Nunes e Manoel de Nóbrega. O artigo analisa o humor do PRK-30 e seu rompimento com o estilo então vigente (caipira), instituindo outra sensibilidade (mais urbana e com sátiras), que se mantém até hoje. Por fim, o artigo pretende demonstrar que a chamada “era de ouro do rádio” não se limitou a cantores e programas de calouros. Também foi uma época de ouro para o humor, que não representou uma simples manifestação da época, mas sim um dos gêneros fomentadores do período.

Palavras-chave


Rádio Nacional; PRK-30; Humor radiofônico;

Texto completo:

PDF

Referências


PERDIGÃO, Paulo. No Ar: PRK-30: O mais famoso programa de humor da Era do Rádio. Rio de Janeiro: Casa da Palavra, 2003.

TAVARES, Maurício Nogueira. O humor na rede: AM/FM/Internet. 2000.1v. Tese (Doutorado em Comunicação e Semiótica) – Faculdade de Comunicação, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Ars Historica - Instituto de História – Programa de Pós-Graduação em História Social da Universidade Federal do Rio de Janeiro, Largo de São Francisco de Paula, no 1, Sala 205 – Centro, Rio de Janeiro – Brasil, CEP 30051-070.

Redes sociais:

  • https://www.facebook.com/RevistaArsHistorica
  • https://www.instagram.com/revistaarshistorica/

Contato:

  • revistaarshistorica@gmail.com