A disposição a pagar pela sustentabilidade ambiental

Joana d’Arc Bicalho Félix, André Nunes

Resumo


O artigo investiga a disposição do consumidor em pagar por produtos ecologicamente sustentáveis. Os resultados da pesquisa apontam que os consumidores estão dispostos a substituir o produto habitualmente consumido por outro que seja correto do ponto de vista da sustentabilidade. A condição para a substituição é a obtenção de informações esclarecedoras e confiáveis sobre os reais atributos de sustentabilidade do produto ou marca.


Palavras-chave


Disposição a Pagar; Consumo Sustentável; Eco eficiência

Texto completo:

PDF

Referências


BERNSTEIN, Peter L. Desafio aos deuses: a fascinante história do risco. Rio de Janeiro: Campus, 1997.

CAPRA, Fritjof. As conexões ocultas. Ciência para uma vida sustentável. São Paulo: Editora Cultrux, 2002. 296p.

ELKINGTON, John. Canibais com garfo e faca. São Paulo: Editora Makron Books, 2000.

ETHOS; AKATU. Pesquisa Percepção do Consumidor Brasileiro. São Paulo: Market Analysis, Instituto Ethos e Instituto Akatu, 2007. Disponível em . Acesso em 03 mar 2010.

HAWKEN, P.; LOVINS, A.; LOVINS, L.H.: Capitalismo Natural. 13. ed. São Paulo: Pensamento/ Cultrix, 1999. 357p.

KOTLER, P.; KARTAJAYA, H.; SETIANWAN; I. Marketing 3.0: As forças que estão definindo o novo marketing centrado no ser humano. Rio de Janeiro: Elsevier, 2010, 215p.

KOTLER, Philip. Administração de marketing. 10. ed. São Paulo: Prentice Hall, 2000. 763p.

KOTLER, Philip e ROBERTO, Eduardo L. Marketing Social: estratégias para alterar o comportamento público. Rio de Janeiro: Campus, 1992.

MANAGEMENT & EXCELLENCE. Return on Sustainability: índice de medição de retorno financeiro. IBMEC); ROS®; 2009. Disponível em . Acesso em 26 nov 2010.

MANAGEMENT & EXCELLENCE. As empresas mais transparentes do IBOVESPA – 2010. São Paulo, agosto de 2010. 31p.

OLIVEIRA, Djalma de P.R. Planejamento Estratégico – conceitos, metodologia e práticas. São Paulo: Editora Atlas, 2004.

PORTER, Michael E. Vantagem competitiva: criando e sustentando um desempenho superior. Rio de Janeiro: Campus, 1990

REVISTA CONJUNTURA ECONÔMICA. Sustentabilidade: Negócio de empresas, Vol. 63. N.10. Brasília: Instituto Brasileiro de Economia, Fundação Getúlio Vargas, 2009, p.36.

SACHS, Ignacy. Estratégias de transição para o século XXI: desenvolvimento e meio ambiente. São Paulo: Studio Nobel; Fundap, 1993.

UNIETHOS. Responsabilidade Social das Empresas – Percepção do Consumidor Brasileiro 2006 e 2007. Disponível em http://www.uniethos.org.br/_Uniethos/Documents/consumidor_2002.pdf. Acesso em 03 jul 2010.

WWF – World Wildlife Fund. Relatório bi-anual Planeta Vivo. Disponível em . Acesso em 28 nov 2010.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.