O processo pré-expressivo do ator

Andréa Copeliovitch

Resumo


Esse trabalho fala de uma proposta de processo pré-expressivo para atores. Pré- expressivo é tudo o que vem antes da cena: ensaio, treinamento, aprendizado.
O processo pré-expressivo diz respeito à dramaturgia que se escreve e se inscreve no corpo do ator, que o ator escreve com seu corpo, que deixa de ser sujeito ou objeto, para, sendo ambos tornar-se linguagem.
Como possibilidade de trabalho pré-expressivo, vamos expor um processo de preparação para atores utilizando um treinamento ritualístico, a partir do qual eles buscam acessar um estado de neutralidade da mente, buscando em seu corpo estados energéticos que lhes permitam construir seus personagens com mais fluidez. A experiência corporal é a base para este trabalho, ou seja: o ator deverá descobrir como criar um personagem a partir de seu material sensorial orgânico; e partindo do seu corpo produzir um resultado energético (um contato mais profundo com o público, uma comunicação mágica, como diz Artaud). O treinamento visa encontrar mecanismos internos e externos que levem o ator a um estado de disponibilidade criativa, que lhe possibilite a descoberta e codificação de ações que constituirão um personagem teatral.
Constatamos que as práticas de canto dança conduzidas de forma ritualística deverão lançar o ator em uma dimensão mais profunda de seu trabalho, na qual ele se depara consigo mesmo em sua busca pelo sagrado na arte, aquilo que é invisível e que estabelece comunicação com as energias mais sutis; e o contato consigo mesmo e com essas energias lhe permite transformar o invisível em visível e sensível para a platéia.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.