O COLECIONISMO ETNOGRÁFICO E SUA INFLUÊNCIA NA MODA BURGUESA DO USO DE PENAS, AVES E INSETOS NOS OITOCENTOS

Maria Cristina Volpi

Resumo


Tendo como ponto de partida uma ventarola de penas da Coleção Jeronimo Ferreira das Neves do Museu D. João VI no Rio de Janeiro, este artigo reflete sobre o papel das coleções etnograficas na elaboração de um gosto burguês em termos de ornamentos pessoais e de decoração de interiores, tendo em vista a produção, circulação e consumo de ornamentos feitos com penas, aves e insetos para exportação produzidos no Brasil durante o século XIX. Com fundamentação teórica nos estudos culturais aplicados às artes decorativas, mostra como, para camadas médias alargadas, a fruição de mundos distantes contribuiu para o sentido do exotismo da época romântica e imperialista e para a valorização de artefatos que convertiam a natureza em ornamento.


Palavras-chave


Artefatos de penas, aves e insetos; Moda no Brasil; Século XIX. Coleções exóticas

Texto completo:

PDF

Referências


ALMANACK ADMINISTRATIVO, MERCANTIL E INDUSTRIAL DA CORTE E PROVINCIA DO RIO DE JANEIRO PARA O ANNO DE 1856. Ano XIII. Rio de Janeiro: Eduardo e Henrique Laemmert, 1856. Disponível em: http://objdigital.bn.br/acervo_digital/div_periodicos/almanak/al1856/00000653.html. Acesso em 23 out. 2019.

EXTRACTO DO RELATORIO GERAL DA EXPOSIÇÃO NACIONAL DE 1861. In: Almanack Administrativo, Mercantil e Industrial da Corte e Provincia do Rio De Janeiro para o anno de 1863. Supplemento: Collecção de documentos officiaes, dados estatísticos e commerciaes, nacionais e estrangeiros, informações uteis, etc., etc. ano XX. Rio de Janeiro: Eduardo & Henrique Laemmert, 1863, p. 71-88. Disponível em: http://objdigital.bn.br/acervo_digital/div_periodicos/ almanak/al1863/00001117.html. Acesso em 23 out. 2019.

BAYLE-MOUILLARD, Élisabeth-Félicie. Manuel du fleuriste artificiel, ou l’art d’imiter d’après nature toute espèce de fleurs. Paris: La Librarie Encyclopédique de Roret, 1829. Disponível em: https://gallica.bnf.fr/ark:/12148/ bpt6k6290668t. texteImage. Acesso em: 23. 10. 2019.

BOURDE, André. História do Exotismo. In: POIRIER, Jean (org.) História dos Costumes: O homem e o outro. vol. 8. Lisboa: Editorial Estampa, 2003, p. 235-246.

CANTINHO, Manuela. Colecções etnográficas extra-ocidentais em Portugal: passado, presente e futuro. 7º Congresso Ibérico de Estudos Africanos. Lisboa 2010, p.1-10. Disponível em: https://repositorio.iscte-iul.pt/bitstream/10071/2200/1/ CIEA7_1_CANTINHO,%20Colec%C3%A7%C3%B5es%20etnogr%C3%A1ficas%20extra-ocidentais%20em%20Portugal.pdf. Acesso em: 23. 10. 2019.

CARVALHO, Rómulo de. A História Natural em Portugal no século XVIII. Coleção Biblioteca Breve, vol. 112. Lisboa: Instituto de Cultura e Língua Portuguesa/Ministério da Educação, 1987.

CASCUDO, Luiz da Camara. Pesquisas e notas da etnografia brasileira: a rede de dormir. Diário de Minas. Belo Horizonte, 27 set. 1953.

DENIS, Ferdinand. Arte plumaria – Les plumes leur valeur et leur emploi dans les arts au Mexique, au Pérou, au Brésil, dans les Indes et dans l’ Océanie. Paris: Ernest Leroux Éditeur, 1875. Disponível em: https://gallica.bnf.fr/ark:/ 12148/ bpt6k5652414v.texteImage. Acesso em: 23. 10. 2019.

DIARIO DO RIO DE JANEIRO. Anno XIX, n° 270, 30 nov. 1840, p. 3. Disponível em: http://memoria.bn.br/ docreader/094170_01/23523. Acesso em: 23. 10. 2019.

______. Anno XVIII, n° 289, 21 dez. 1839, p. 4. Disponível em: http://memoria.bn.br/ DocReader/094170_01/22426. Acesso em: 23. 10. 2019.

______. Anno XVII, n° 220, 2 out. 1838, p. 4. Disponível em: http://memoria.bn.br/DocReader/094170_01/20988. Acesso em: 23. 10. 2019.

______. Anno XVI, n° 7, 10 jan. 1837, p. 3. Disponível em: http://memoria.bn.br/DocReader/094170_01/19026. Acesso em: 23. 10. 2019.

DICKINSON, J.A. Taxidermy. In: KITE, Marion; THOMSON, Roy. Conservation of leader and releated materials. London: Elsevier, 2006.

DOMINGUEZ, Virginia R. The marketing of heritage. American Ethnologist, Washington, 13 (3), 1986, p. 543-555.

DOUGHTY, Robin W. Feather fashions and bird preservation: a study in nature protection. Berkley/Los Angeles/London: University of California Press, 1975.

GAZETA DO RIO DE JANEIRO. 08 jul. 1818, p. 4. Disponível em: http://memoria.bn.br/DocReader/749664/5101. Acesso em: 23. 10. 2019.

______. 05 fev. 1817, p. 4. Disponível em: http://memoria.bn.br/ DocReader/ 749664/4360. Acesso em: 23. 10. 2019.

GERE, Charlotte; RUDOE, Judy. Jewellery in the age of Queen Victoria: a mirror to the world. London: The British Museum Press, 2010.

HEYNEMANN, Cláudia Beatriz. As Culturas do Brasil. São Paulo: HUCITEC, 2010.

LUZ SORIANO, Simão José da. Revelações da minha vida e memorias de alguns factos e homens meus contemporaneos. Porto: A. Leite Guimarães Editor, 1891. Disponível em: https://archive.org/details/revelaesdami00luzs. Acesso em: 23. 10. 2019.

MAKOWIECKY, Sandra; DIDONÉ, Fabiana Machado. Passeio Público do Rio de Janeiro e uma história que pode ser revista: os catarinenses Xavier das Conchas e Xavier dos Pássaros. Mimeografado. 2014.

MARSCHNER, Joanna. A Weaving Field of Feathears; dressing the head for presentation at the Englisch Court, 1700-1939. In. SWAN, Jude, et al. Birds of Paradise: plumes and feathers in Fashion. Antwerp: Lannoo, 2014, p. 140-147.

MITTL-RAHL, Tione. Die Geschichte der Seidenblumem. Hannover: M.& H Schaper Verlag, 1981.

NASCIMENTO, Fátima Regina. A formação da coleção de indústria humana no Museu Nacional, século XIX. Tese de doutorado. Programa de Pós-graduação em Antropologia Social da Universidade Federal do Rio de Janeiro, 2009. Disponível em: http://livros01.livrosgratis.com.br/cp084996.pdf. Acesso em: 23. 10. 2019.

TRABALHOS DAS COMISSÕES VERSANDO SOBRE A EXPOSIÇÃO UNIVERSAL DE PARIS EM 1855, REMETENDO AO MINISTÉRIO DO IMPERIO. O Auxiliador da Industria Nacional. Rio de Janeiro, n. 11, maio 1854, p. 337-370. Disponível em: http://memoria.bn.br/ DOCREADER/302295/9418. Acesso em: 23. 10. 2019.

OFFICIAL CATALOGUE OF THE GREAT EXHIBITION OF THE WORKS OF INDUSTRY OF ALL NATIONS. London: Spice Brothers, Wholesale Stationers; W. Clowes & Sons, Printers, 1851. Disponível em: https://archive.org/. Acesso em: 23. 10. 2019.

EXPOSIÇÃO PROVINCIAL. Pedro II. Anno XXII, n° 274, Fortaleza, 25 abr. 1861, p.3. DISPONÍVEL EM: http://memoria.bn.br/DocReader/216828/5554. Acesso em: 23. 10. 2019.

POMIER, Krzysztof. Colecção. In. GIL, Fernando (coord.) Enciclopéida Einaudi – Memória – História. Vol. 1. Lisboa: Imprensa Nacional/Casa da Moeda, 1984, p. 51-86.

PORTO ALEGRE, Manuel de Araújo (1806-1899). Relatório da Comissão que representou o Império do Brasil na Exposição Universal de Vienna d’Austria em 1873. Rio de Janeiro: Typographia Nacional, 1874.

SCHINDLER, Helmut. Plumas como enfeites da moda. História, Ciências, Saúde – Manguinhos, vol.8, (suplemento), Casa de Oswaldo Cruz, 2001, p. 1089-1108. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S0104-59702001000500016. Acesso em: 23. 10. 2019.

SCHOEPF, Daniel, MONNIER, Alain. L’art de la plume – indiens du Brèsil. Geneve: Musée d´Ethnographie, 1985.

TOLINI, Michelle. “Beetle Aboniations” and Birds on Bonnets: Zoological Fantasy in late-nineteenth-Century Dress. 19th Art Wordwide: a journal of Ninetheenth-Century Visual Culture. Volume 1, Issue 1, Spring 2002. Disponível em: http://www.19thc-artworldwide.org/spring02/85-spring02/spring02article/ %20206-qbeetle-abominationsq-and-birds-on-bonnets-zoological-fantasy-in-late-nineteenth-century-dress. Acesso em: 23. 10. 2019.

VOLPI, Maria Cristina. Imagens desdobradas: os leques da Coleção Ferreira das Neves. In: MALTA, Marize. PEREIRA, Sonia Gomes, CAVALCANTI, Ana. (org.) Ver para crer: visão, técnica e interpretação na Academia. Escola de Belas Artes, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2013, p. 195-206.

______. Penas para que te quero! O circuito da arte plumária não indígena brasileira nos oitocentos. In: NETO, Maria João; MALTA, Marize (org.) Coleções de arte em Portugal e Brasil nos séculos XIX e XX: perfis e trânsitos. Casal de Cambra: Caleidoscópio, 2014, p.183-194.

YARDHOOD, Doreen. The encyclopedia of world costume. New York: Bonanza Books, 1988.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 interFACES