Contos com arte. Três tipos de diálogos artísticos: Nuno Júdice, Afonso Cruz e Luís Carmelo

Maria João Albuquerque Simões

Resumo


O desafio de imaginar uma história a partir de quadros ou dialogando com pinturas e outras obras de arte é assumido em contos de Nuno Júdice, Afonso Cruz e Luís Carmelo. No caso de Nuno Júdice, o diálogo é contratualizado dependendo de um plano editorial. Nos dois últimos casos, o diálogo é mais difuso e mais liberto de constrangimentos. Este estudo visa analisar como se tece esse diálogo entre escritores, pinturas e obras, abordando afinidades e distanciamentos criativos e estruturais. Pretende-se investigar os procedimentos acionados nestes diálogos interartísticos, desde a écfrase à mera alusão, mostrando como as contaminações do sensível originam novos sentidos capazes de envolver os leitores numa dialogante viagem artística.


Palavras-chave


Écfrase, interartes, intermedialidade, alusão, conto

Texto completo:

PDF

Referências


BARONI, Raphaël. La tension narrative. Suspense, curiosité et surprise. Paris: Seuil, 2014.

BEAUVOIR, Simone de. O segundo sexo. Vol. I, São Paulo: Difusão Européia do Livro, 1970.

BLANARIU, Nicoleta Popa. “Alternative Insights into Comparative Literature: Interdisciplinar, Intercultural, Intersemiotic Dancing Ekphrasis and Transmedial

Narrative”, in Asunción López-Varela Azcárate; Ananta Charan Sukla (eds). The Ekphrastic Turn. Inter-art Dialogues. Champaign, Illinois: Common Ground Publishing, pp. 130- 166, 2015.

BILMAN, Emily. Modern Ekphrasis. Bern/New York, Peter Lang, 2013.

CARMELO, Luís. “O cometa”, in A pé pelo paraíso. Lisboa: Publicações Europa-América., 2008.

CARMELO, Luís. “Oficina de Escrita Criativa, EC.ON”, Cursos Ícone, Lisboa, 12 de Abril de 2014 (cons. em 29/07/220, disponível em https://www.youtube.com/watch?v=xLFsexuej0c ).

CHAPPLE, Freda. “On Intermediality”, in Cultura, Lenguaje y Representación/ Culture, Language and Representantion. Vol. VI (pp. 7-14). Cultural Studies Journal of Universitat Jaume I, 2008.

CRUZ, Afonso. “Déjeuner sur l’Herbe com Alguém a Afogar-se”, in Uma Terra Prometida. Contos sobre refugiados. Lisboa: Edições Zero a Oito, 2016.

ENGEL, Pascal (2008) “La pensée de la satire”, in Duval, Sophie et Saïdah, Jean-Pierre. Mauvais genre. La satire littéraire moderne. Pessac, Presses Universitaires de Bordeaux, pp. 10-38, 2008.

GENETTE, Gérard. L’Œuvre de l’art. Immanence et Transcendance. t. 1, Paris: Seuil 1992.

GENETTE, Gérard. L’Œuvre de l’art. La relation esthétique. t. 2, Paris: Seuil. 1997.

GLISSANT, Edouard. A Poética da Relação. Porto: Porto Editora, 2011.

HAN, Byung-Chul. Topologia da Violência. Lisboa, Relógio d’Água, 2019.

HOLLANDA, Heloisa Buarque de. “Feminismo em Tempos Pós-Modernos”, in Heloisa Buarque de Hollanda (org.). Tendências e Impasses: o feminismo como crítica da cultura. Rio de Janeiro: Rocco, 1994.

HORSTKOTTE, Silke. “Ekphrasis as Genre, Ekphrasis as Metaphenomenology”, in Ronja Bodola and Guido Isekenmeier (Eds.) Literary Visualities. Visual Descriptions, Readerly Visualisations, Textual Visibilities. GmbH, Berlin/Boston: Walter de Gruyter, 2017.

HUTCHEON, Linda. Poética do pós-modemismo: história, teoria, ficção. tradução Ricardo Cmz., Rio de Janeiro: Imago Ed., 1991.

JÚDICE, Nuno. O Segredo da Mãe. Um conto de Nuno Júdice inspirado na obra de Graça Morais, Lisboa, Quetzal, 2004.

MACHADO, Rosário Sousa. “Quem é Graça Morais”, in Júdice, Nuno O Segredo da Mãe. Um conto de Nuno Júdice inspirado na obra de Graça Morais, Lisboa: Quetzal., 2004.

MORIN, Edgar. “De la complexité: complexus”, in Soulié, Françoise (dir.) Les Théories de la Complexité. Autour de l’Œuvre d’Henri Atlan. Paris: Seuil, pp. 283-296, 1991.

NOGUEIRA, Carlos. A sátira na poesia portuguesa e a poesia satírica de Nicolau Tolentino, Guerra Junqueiro e Alexandre O’Neill, Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian / Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, 2011.

RANCIÈRE, Jacques. A partilha do sensível. São Paulo, EXO experimental org. / Ed. 34, 2005

VANDERLEI, Wanessa R. L. da F. M. Leituras cruzadas: o diálogo entre palavra e imagem na coleção “Olhar um Conto”. Dissertação de Mestrado apresentada à Universidade Federal de Pernambuco (Centro de Artes e Comunicação. Letras), 2014.




DOI: https://doi.org/10.35520/metamorfoses.2020.v17n1a36902

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2021 Metamorfoses - Revista de Estudos Literários Luso-Afro-Brasileiros


Licença Creative Commons
A Revista Metamorfoses utiliza uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.


Indexadores e bases bibliográficas:

Google Acadêmico EZBSudoc  Base DRJI WorldCat  Diadorim