De Nova York a Durban: o processo de institucionalização do BRICS

Diego Santos Vieira de Jesus

Resumo


O objetivo é explicar o processo de institucionalização do BRICS, dos primeiros encontros do agrupamento em nível ministerial à Cúpula de Durban. O argumento central aponta que o desenvolvimento de instrumentos de cooperação e colaboração de baixas obrigação, precisão e delegação está relacionado à estrutura de preferências convergentes dos membros por maior agilidade na implementação de compromissos, maior flexibilidade para realização de escolhas políticas e maior independência em relação a partes terceiras.

Palavras-chave


BRICS; institucionalização; legalização

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2022 Oikos

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Apoio: