ANÁLISE DE DISCURSO: POR UMA PRÁXIS DE LIBERTAÇÃO FEMININA A PARTIR DA FILOSOFIA DA LIBERTAÇÃO DE ENRIQUE DUSSEL

Solange Maria de Oliveira Cruz, Carlos Roberto da Silveira, Marcia Aparecida Amador Mascia

Resumo


Este artigo bibliográfico, com base na Análise de Discurso, fundamentada nas ideias de Orlandi (2007) e Pêcheux (1997, 2002), tem por objetivo discutir o não-dito no discurso, toma como objeto de estudo, a análise de duas propagandas: a primeira de uma marca que comercializa cerveja e a outra do Ministério da Justiça, em que, em ambas, as protagonistas são mulheres. O objetivo principal é analisar os discursos publicitários na produção de sentidos sobre a imagem que se tem da mulher na mídia brasileira, no contexto social transmoderno latino americano. Daí, pensar o enunciado e a enunciação a partir de Orlandi e Pêcheux, ao propor uma reflexão sobre a ética da libertação feminina, por meio da Teoria Crítica Latino-Americana, com ênfase na Filosofia da Libertação de Enrique Dussel (2005), em relação à libertação social da mulher, como vítima da opressão erótica[1]a que vem sendo submetida.

[1]  Ver Dussel, 1977 “Filosofia da Libertação na América Latina”.

 

 


Palavras-chave


Análise de discurso; Filosofia da Libertação; Violência; Mulher;Mídia.

Texto completo:

PDF

Referências


ALVES, L. As dez propagandas mais famosas de cerveja. Etílicos.com, 2013. Disponível em http://etilicos.com/as-dez-propagandas-mais-famosas-de-cerveja/. Acesso em 23 de Abril de 2020.

CAREGNATO, R. C. A.; MUTTI, R. Pesquisa qualitativa: análise de discurso versus análise de conteúdo. Texto Contexto Enfermagem, Florianópolis, 2006 Out-Dez; 15(4): 679-84.

DUSSEL, E. La pedagogia latinoamericana. Bogotá: Nueva America, 1980.

______. Filosofia na América Latina 1. Filosofia da Libertação. Trad. Luiz João Gaio. São Paulo: Edições Loyola e Ed. UNIMEP, 1980.

______. 1492 – O encobrimento do outro: A origem do mito da modernidade. Trad. Jaime A. Clasen, Rio de Janeiro: Editora Vozes Ltda., 1993.

______. Europa, modernidade e eurocentrismo. En libro: A colonialidade do saber: eurocentrismo e ciências sociais. Perspectivas latino-americanas. Edgardo Lander (org). Colección Sur Sur, CLACSO, Ciudad Autónoma de Buenos Aires, Argentina. Septiembre 2005, p. 55-70. Disponible en la World Wide Web: http://bibliotecavirtual.clacso.org.ar/ar/libros/lander/pt/Dussel.rtf. Acesso em 01 de Maio de 2020.

______. Transmodernidade e interculturalidade: interpretação a partir da filosofia da libertação. Sociedade e Estado, Brasília, v. 31, n. 1, p. 51-73, April. 2016. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/se/v31n1/0102-6992-se-31-01-00051.pdf. Acesso em 22 de Abril de 2020.

Ministério da Justiça comete gafe e posta campanha que incita a violência. Uol.com.br, 2015. https://blogs.ne10.uol.com.br/social1/2015/02/05/ministerio-da-justica-comete-gafe-e-posta-campanha-que-incita-violencia/. Acesso em 23 de abril de 2020.

ORLANDI, E. P. Análise de Discurso: princípios & procedimentos. Campinas: Pontes, 2007.

PANSARELLI, D. Filosofia e práxis da América Latina: contribuições à filosofia contemporânea a partir de E. Dussel.2010.Tese (Doutorado em Educação) – Faculdade de Educação, Universidade de São Paulo, São Paulo,2010.

PÊCHEUX, M. Semântica e discurso: uma crítica à afirmação do óbvio. 3ª ed. Tradução Eni Orlandi et all. Campinas: EDUNICAMP, 1997.

______. O discurso: Estrutura ou acontecimento, Tradução: Eni Puccinelli Orlandi, 3ª edição. Campinas, SP: Pontes Editores,2002.

SOUSA, L. F. C. Corporeidade e libertação: pensando a libertação erótica a partir de Enrique Dussel. Publicatio UEPG Applied Social Sciences, Ponta Grossa, 24 (2): 169-180, maio/ago. 2016 Disponível em file:///C:/Users/Windows%207/Downloads/9041-33513-1-PB.pdf. Acesso em 01 de maio de 2020.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Policromias - Revista de Estudos do Discurso, Imagem e Som

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Policromias é a publicação do LABEDIS - Laboratório de Estudos do Discurso, Imagem e Som, coordenado pela Profa. Dra. Tania Conceição Clemente de Souza e vinculado ao Museu Nacional (UFRJ).

              

 

 

 

 


Licença Creative Commons

A Policromias utiliza a Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.