Análise de redes sociais da produção científica em memória organizacional na ciência da informação

Flávia de Araújo Telmo, Rayan Aramís de Brito Feitoza, Alzira Karla Araújo da Silva

Resumo


A pesquisa analisa a produção científica em memória organizacional na Ciência da Informação por meio da análise de redes sociais. Utiliza como metodologia a pesquisa do tipo descritiva-exploratória, com abordagem quantiqualitativa e do tipo documental por trabalhar com os artigos científicos com o tema memória organizacional publicados em periódicos e indexados na BRAPCI. Como procedimentos de análise dos dados utilizou-se o método de Análise de Redes Sociais (ARS), a partir da elaboração de grafos construídos com o uso dos softwares UCINET e Netdraw e apresentação dos resultados em tabela e quadro. Destaca a produção no referido tema, o perfil dos colaboradores com base na titulação e as relações de produção existentes na rede social. Os resultados permitem inferir que a relação dos autores que produziram artigos científicos sobre memória organizacional dentro da rede geral dos atores, apresentou-se dispostas em sub-redes, com relações intra e interorganizacionais de até quatro atores entre os quais apenas um produziu individualmente, prevalecendo a produção colaborativa. Conclui que a análise das características e relações intrínsecas na rede de colaboração poderá servir de subsídios para a ampliação de grupo de pesquisadores que atuam no tema, bem como novas possibilidades de relação fortalecendo assim a produção científica e construção do conhecimento.


Palavras-chave


Análise de Redes Sociais. Redes Sociais. Produção Científica. Memória Organizacional.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.

ISSN: 2525-7935

Bases de Dados e Diretórios