Satisfação de usuários da informação jurídica: estudo na Biblioteca da Escola da Magistratura do Rio Grande do Norte

Ana Cláudia Carvalho de Miranda, Michelly Dourado Ângelo

Resumo


O objetivo deste artigo é analisar o grau de satisfação dos usuários da Biblioteca Desembargador José Gomes da Costa, pertencente à Escola da Magistratura do Rio Grande do Norte (Esmarn), no que diz respeito aos produtos e serviços oferecidos. Para tanto: (i) investigaram-se as necessidades de informação de seus usuários; (ii) verificou-se o conhecimento acerca do uso dos produtos e serviços da biblioteca, bem como a  frequência desses serviços; e (iii) identificaram-se se as atividades desenvolvidas foram satisfatórias. À vista disso, a pesquisa configura-se como descritiva, empregando uma estratégia metodológica mista, com predomínio da abordagem quantitativa. A coleta de dados foi feita por meio da aplicação de um questionário on-line (websurvey), encaminhado aos respondentes entre os meses de novembro e dezembro de 2018. Embora haja necessidade de se realizar uma avaliação periódica da biblioteca jurídica em questão, conclui-se, com base na análise dos dados coletados, que os resultados demonstraram que os produtos e serviços oferecidos pela biblioteca são avaliados de forma satisfatória pelos usuários.

Palavras-chave


Estudo de usuários; Satisfação dos usuários; Informação jurídica; Biblioteca jurídica; Necessidade informacional.

Texto completo:

PDF EPUB HTML


DOI: https://doi.org/10.47681/rca.v5i2.34641

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil.

ISSN: 2525-7935

Bases de Dados e Diretórios