Inovação e conhecimento indicadores regionalizados e aplicação a São Paulo

Wilson Suzigan, João Furtado, Renato Garcia, Sérgio E. K. Sampaio

Resumo


Este artigo elabora um conjunto de indicadores que mapeiam a distribuição geográfica de conhecimentos e capacitações científi cas e tecnológicas como proxies da distribuição geográfi ca das atividades de C,T&I e os aplica a dados e informações do Estado de São Paulo. A visão panorâmica da distribuição geográfi cadas atividades de C,T&I no estado é complementada, num corte analítico vertical, por uma visão dessas atividades em sistemas locais de produção e inovação com base num caso ilustrativo: as atividades de tecnologia de informação e comunicação da microrregião de Campinas. Os resultados mostram um padrão de distribuição regional das atividades de C,T&I ao longo dos eixos das principais rodovias do estado e no entorno de áreas metropolitanas (especialmente São Paulo e Campinas) e de regiões com forte concentração de instituições de ensino, pesquisa e desenvolvimento científico e tecnológico. A tendência à aglomeração de empresas nessas áreas e regiões, formando sistemas locais de produção e inovação, é evidenciada pela aderência do mapeamento desses sistemas ao mapeamento da distribuição geográfica mostrada pelos indicadores quantitativos e de capacitações institucionais. Isso reforça a assertiva, presente na literatura, de que as atividades inovativas das empresas têm fortes determinantes relacionados à geografia.

Palavras-chave


indicadores regionais; atividades de CT&I; conhecimento; inovação.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Wilson Suzigan, João Furtado, Renato Garcia, Sérgio E. K. Sampaio

Instituto de Economia da UFRJ

Avenida Pasteur, 250, Palácio Universitário, sl 114 
Urca, Rio de Janeiro, RJ, CEP 22290-240, Rio de Janeiro - RJ Brasil
Tel.: 55 21 3873-5242
e-mail: rec@ie.ufrj.br