Evolução do crédito industrial no Brasil: uma análise a partir de fatores macroeconômicos

Pâmela Amado Tristão, Reisoli Bender Filho, Daniel Arruda Coronel

Resumo


O objetivo deste trabalho consistiu em analisar a influência das variáveis macroeconômicas sobre o crédito industrial no Brasil, no período pós-estabilização. Essa discussão tem como cenário, de um lado, a trajetória descendente do crédito industrial nos anos recentes e, de outro, as políticas expansionistas destinadas à indústria. Para o alcance dos objetivos, foi estimado um modelo de correção de erros com o qual foi possível analisar as dinâmicas de longo e de curto prazo. Os resultados apontam para a recorrente influência da taxa de câmbio e do produto agregado na explicação do comportamento das operações de crédito industrial na economia brasileira, tanto no curto quanto no longo prazo. Além disso, salientam-se os efeitos mais prolongados do produto sobre o crédito industrial, enquanto que as variáveis de política, à exceção do câmbio, apresentaram efeitos temporários.

Palavras-chave


crédito industrial; fatores macroeconômicos; período pós estabilização

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Pâmela Amado Tristão, Reisoli Bender Filho, Daniel Arruda Coronel

Instituto de Economia da UFRJ

Avenida Pasteur, 250, Palácio Universitário, sl 114 
Urca, Rio de Janeiro, RJ, CEP 22290-240, Rio de Janeiro - RJ Brasil
Tel.: 55 21 3873-5242
e-mail: rec@ie.ufrj.br