Implicações da Crise Migratória Venezuelana para as Políticas Brasileiras de Segurança e Defesa: Perspectivas para o Equacionamento de Conflitos / Implications of the Venezuelan Migration Crisis for the Brazilian Security and Defense Policy: Perspectives for Conflict Management

Autores

DOI:

https://doi.org/10.36403/espacoaberto.2019.19021

Palavras-chave:

Venezuela, Brasil, Imigração, Roraima, Soberania.

Resumo

O trabalho a seguir visa identificar as principais implicações da atual crise migratória venezuelana para as formulações das políticas brasileiras de segurança e defesa. A hipótese do trabalho é de que o exponencial aumento do fluxo migratório de venezuelanos para o território brasileiro possui flagrante conteúdo geopolítico, hoje obliterado no debate público sobre o tema devido à uma falsa dicotomia por ora estabelecida, concentrada na contraposição das dimensões securitárias e humanitárias da questão migratória. Neste contexto, a atuação diplomática na mediação do confronto político venezuelano e o protagonismo do Estado nacional na recepção e regularização dos imigrantes venezuelanos aparecem como medidas afins com o interesse estratégico brasileiro, evitando o transbordamento do conflito para além das fronteiras da Venezuela e garantindo o controle do país sobre as questões referentes ao aumento do fluxo migratório.

Métricas

Carregando Métricas ...

Downloads

Publicado

2019-05-14

Como Citar

NOGARA, Tiago Soares; WOBETO, Victor Leão. Implicações da Crise Migratória Venezuelana para as Políticas Brasileiras de Segurança e Defesa: Perspectivas para o Equacionamento de Conflitos / Implications of the Venezuelan Migration Crisis for the Brazilian Security and Defense Policy: Perspectives for Conflict Management. Espaço Aberto, Rio de Janeiro, Brasil, v. 9, n. 1, p. 23–42, 2019. DOI: 10.36403/espacoaberto.2019.19021. Disponível em: https://revistas.ufrj.br/index.php/EspacoAberto/article/view/19021. Acesso em: 22 jul. 2024.