Por que Migrar? Uma Análise sobre as Motivações que Conduzem às Migrações Internas / Why Migrate? An Analysis of the Drivers of Internal Migration

Autores

  • Túlio Fernando Mendanha de Oliveira Universidade Federal de Goiás (UFG)
  • Yacine Guellati Universidade de Brasília (UNB)

DOI:

https://doi.org/10.36403/espacoaberto.2018.19093

Palavras-chave:

Economia, Família, Migração

Resumo

Neste artigo, analisam-se, de forma sucinta, as motivações essenciais da migração/imigração interna no contexto nacional, observando os movimentos migratórios como intrinsecamente ligados à constituição sociocultural brasileira. A presente análise apoia-se em uma pesquisa bibliográfica com diversos autores/as da temática, além de entrevistas realizadas com migrantes nordestinos na região de Inhumas, estado de Goiás. Como resultado geral aponta-se a existência de três diferentes momentos: a importância dos deslocamentos migratórios enquanto “devir histórico”; as categorias econômicas vistas como motivadoras dessas mudanças de localidades; e as justificativas afetivas dos migrantes, estas últimas ligadas ao parentesco ou à família e que têm uma importância primordial enquanto motivações para o(s) deslocamento(s).

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Túlio Fernando Mendanha de Oliveira, Universidade Federal de Goiás (UFG)

Aluno de doutorado pelo Programa de pós graduação em Antropologia Social da UFG. Mestre em antropologia social pelo mesmo programa. Historiador licenciado pela UEG

Yacine Guellati, Universidade de Brasília (UNB)

Doutorando em Sociologia na Universidade de Brasília (UnB).

Downloads

Publicado

2018-12-22

Como Citar

OLIVEIRA, Túlio Fernando Mendanha de; GUELLATI, Yacine. Por que Migrar? Uma Análise sobre as Motivações que Conduzem às Migrações Internas / Why Migrate? An Analysis of the Drivers of Internal Migration. Espaço Aberto, Rio de Janeiro, Brasil, v. 8, n. 2, p. 07–22, 2018. DOI: 10.36403/espacoaberto.2018.19093. Disponível em: https://revistas.ufrj.br/index.php/EspacoAberto/article/view/19093. Acesso em: 16 jun. 2024.