A Fine Country to Starve in? Australian Geography Past and Present

Autores

  • Roy Jones Curtin University

DOI:

https://doi.org/10.36403/espacoaberto.2014.2430

Palavras-chave:

História de Disciplina, Sociedade Colonial, Ethos do Desenvolvimento, Geografia Australiana.

Resumo

O presente artigo descreve o desenvolvimento da geografia como disciplina
acadêmica na Austrália do início da colonização européia em 1788 até os dias atuais. Apesar da geografia australiana sempre ter tratado o ambiente físico e humano do país e seu potencial, a curta história do desenvolvimento da disciplina na Austrália e as circunstancias colonial e pós-colonial não permitiram o surgimento de uma abordagem australiana própria e intelectualmente distinta da disciplina no país. Assim sendo, a preocupação maior do trabalho é apresentar o amplo contexto social, político e administrativo no qual a geografia australiana tem se desenvolvido nos últimos dois séculos. O principal argumento é que em virtude de sua natureza distinta, diversa e dinâmica, a Austrália sempre forneceu um ambiente favorável para a pesquisa geográfica. Entretanto,
na maior parte da história do povoamento europeu pós-colonial australiano, o apoio oficial e governamental para a disciplina tem sido limitado. Os leitores são convidados a comparar a experiência da geografia australiana com o desenvolvimento da disciplina no Brasil.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Roy Jones, Curtin University

Professor Emérito, Department of Planning and Geography

Downloads

Publicado

2014-06-30

Como Citar

JONES, Roy. A Fine Country to Starve in? Australian Geography Past and Present. Espaço Aberto, Rio de Janeiro, Brasil, v. 4, n. 1, p. 23–36, 2014. DOI: 10.36403/espacoaberto.2014.2430. Disponível em: https://revistas.ufrj.br/index.php/EspacoAberto/article/view/2430. Acesso em: 23 maio. 2024.