BORDADOS, SONHOS E PESADELOS: DESLOCAMENTOS DE TRAUMAS E OBJETOS DOMÉSTICOS NA OBRA DE ROSANA PALAZYAN / Embroidery, dreams and nightmares: displacement of traumas and domestic objects in the work of Rosana Palazyan

Vanessa Lúcia de Assis Rebesco

Resumo


O objetivo deste texto é analisar a série “... uma história que você nunca mais esqueceu?”, da artista Rosana Palazyan, elaborada entre os anos 2000 e 2002. Ainda que não intencionalmente, ao trabalhar com o bordado - prática historicamente depreciada dentro do campo das artes e associada a uma arte dita “feminina” - sobre o travesseiro (objeto considerado doméstico e não artístico), a artista coloca em xeque tanto as noções cristalizadas sobre diferenças sexuais quanto as hierarquias dos gêneros e dos objetos artísticos. Palazyan cria essa série a partir de testemunhos de adolescentes internados em uma instituição no RJ, dedicada à recuperação de jovens infratores. Além de examinar quais sentidos atravessam a utilização do travesseiro e do bordado dentro de uma série que trata de um tema dolorido, discutirei a acolhida dos testemunhos por parte da artista e o lugar de escuta que ela se coloca.

Palavras-chave: Rosana Palazyan; Objetos domésticos; Bordado; Testemunho; Trauma.

Abstract

The purpose of this text is to analyze the series “... a story that you never forgot?” from the Rosana Palazyan, developed between the years 2000 and 2002. Although not intentionally, when working with embroidery - a practice historically depreciated in the field of the arts and associated with a so-called “feminine art – on the pillow (and object considered domestic and non-artistic), the artist challenges both the crystallized notions about sexual differences and the hierarchies of genres and artistic objects. In addition to examining which meanings cross the use of the pillow and embroidery within a series that deals with a painful theme, we will discuss the acceptance of testimonies by the artist and the place of listening that she places herself.

KeywordsRosana Palazyan; Household objects; Embroidery; testimony; Trauma.


Palavras-chave


Rosana Palazyan; Objetos domésticos; Bordado; Testemunho; Trauma.

Texto completo:

PDF

Referências


CARUTH, Cathy. Trauma: explorations in memory. Baltimore, EUA: Johns Hopkins University Press, 1995.

CARVALHO, Vania Carneiro de. Gênero e artefato: o sistema doméstico na perspectiva da cultura material – São Paulo, Editora da Universidade de São Paulo/FAPESP, 2008.

CHADWICK, Witney. Women, Art and Society. London: Thamesand Hudson, 1996.

GARB, Tamar. L´Art féminin: the formation of a critical category in late ninetheenth century france, Art History (12), London, nº1, março 1989.

HERKENHOFF, Paulo. Texto do Catálogo de exposição: ROSANA PALAZYAN. Centro Cultural Banco Do Brasil, Rio Janeiro, 2002.

HOLLANDA, Heloisa Buarque de. Texto do Catálogo de exposição: ROSANA PALAZYAN. Centro Cultural Banco Do Brasil, Rio Janeiro, 2002.

JELIN, Elizabeth. Los trabajos de La memoria. Espanha: Editorial Siglo XXI, 2002.

PALAZYAN, ROSANA. Texto do Catálogo de exposição: ROSANA PALAZYAN. Centro Cultural Banco Do Brasil, Rio Janeiro, 2002.

PARKER, Rozsika. The Subversive Stitch: Embroidery and the Making of the Feminine. Nova York: I.B Tauris, 2010.

PERROT, Michelle. Os excluídos da história: operários, mulheres e prisioneiros. Rio de janeiro: Paz e Terra, 1988.

RICHARD, Nelly. Masculine/Feminine: Practices of difference(s). Durham/London: Duke University Press, 2004, p. 13-14.

SIMIONI, Ana Paula Cavalcantini. Bordado e transgressão: questões de gênero na arte de Rosana Paulino e Rosana Palazyan. Revista Proa. V. 01, N. 02, 2010. Disponível em: http://www.ifch.unicamp.br/proa/ArtigosII/PDFS/anasimioni.pdf. Acesso em: 10 fev. 2019.

TEGA, Danielle. Tempos de dizer, tempos de escutar: testemunhos de mulheres no Brasil e na Argentina. São Paulo: FAPESP, 2018.

TEGA, Danielle. Tramas da memória: um estudo de testemunhos femininos sobre as ditaduras militares no Brasil e na Argentina. Tese de doutorado IFCH-UNICAMP. Campinas, 2015.




DOI: https://doi.org/10.37235/ae.n39.7

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2020 CC Atribuição 4.0

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Revista arte e ensaios

e-ISSN: 2448-3338