Alterações Climáticas Relacionadas à Exploração Energética nas Áreas de Conservação e nos Geossistemas da Bacia Potiguar

Agassiel de Medeiros Alves, Venerando Eustáquio Amaro

Abstract


O presente artigo trata de uma avaliação referente às alterações de duas variáveis climáticas de duas áreas de reserva localizadas na região da Bacia Potiguar, no Estado do Rio Grande do Norte, a Floresta Nacional de Açu e a Reserva de Desenvolvimento Sustentável de Ponta do Tubarão. O objetivo do trabalho é compreender a relação entre as diversas formas de exploração energética, renováveis e não renováveis, e as variações nos níveis de albedo e temperatura superficial nas áreas analisadas, levando em consideração também os diferentes geossistemas e geofácies que compõe a Bacia Potiguar. Os métodos empregados baseiam-se em dados produzidos pelo sensoriamento remoto baseando-se na técnica GEObia (GEOgraphic-Object-Based Image Analysis) e cruzamento com dados físicos preexistentes da área de estudo. Os resultados apontam que há alterações nas áreas de reserva, relacionadas à exploração de biomassa, explotação petrolífera e produção de energia elétrica baseada em usinas eólicas. As características dos geossistemas observados apresentam setores com altos índices naturais de albedo, e em muitos deles foram identificadas tendências de aumento significativo dos índices analisados, podendo ser considerados preponderantes para ampliação das áreas classificadas em processo de desertificação, uma vez que se trata de uma das poucas áreas do mundo com conexão entre faixas litorâneas com clima semiárido.

Keywords


Bacia Potiguar, Energia, Alterações climáticas, Semiárido, Desertificação.



DOI: https://doi.org/10.11137/2018_2_471-486

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.