Análise de Tempo-Frequência de Alta Resolução da Precipitação no Sudeste do Brasil Usando Técnica de Ondeleta

Edicarlos Pereira de Sousa, Célia Campos Braga, Vicente de Paulo Rodrigues da Silva, Wanessa Luana de Brito Costa, Maria Isabel Vitorino

Abstract


Este estudo objetiva analisar o sinal da precipitação (PRP) e da radiação de onda longa (ROL) em diferentes escalas de tempo-frequência, a partir da técnica matemática da Transformada de Ondeletas (TO) no estado de Minas Gerais. Utilizaram-se séries de dados diários de PRP e ROL no período de 2003 a 2012 de distintas regiões homogêneas (RH) previamente determinadas. A técnica da TO aplicada a series diárias possibilitou decompor o sinal da PRP em várias escalas de tempo, identificando oscilações subsazonais dos fenômenos em escala de alta frequência, associando-os com a ocorrência de eventos sinóticos que influenciaram as volumosas chuvas no estado, principalmente nos anos de 2010, 2011 e 2012. Os resultados mostraram que a escala dominante é de aproximadamente dez dias, interagindo com escalas menores e maiores no final da primavera e verão austral para todas as localidades estudadas. Nesse período, a Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS), o Sistema de Monção da América do Sul (SMAS) e a Oscilação de Madden-Julian (OMJ) foram os principais sistemas responsáveis pelas chuvas. Além disso, a técnica evidenciou oscilações em escalas menores que dez dias, no verão 2011/2012, possivelmente associados a sistemas meteorológicos de curto prazo, ou seja, os sistemas transientes em geral.

Keywords


Oscilação atmosférica; ROL; Minas Gerais



DOI: https://doi.org/10.11137/2019_3_558_567

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.

SCImago Journal & Country Rank
Associado Diadorim Associado Latindex ROAD ISSN REDIB ISSN Google Acadêmico DRJI DOAJ GeoRef Clarivate