Além do Turismo de Sol e Praia: Uma Proposta de Roteiro Geoturístico para o Município de São João da Barra, RJ

Rafael Altoe Albani, Kátia Leite Mansur, Wellington Francisco Sá dos Santos, André Luiz Rodrigues Pinto

Abstract


Os geoparques promovem ações educativas e geoturísticas para atrair visitantes e criar opções para proporcionar ganhos para a economia local, o que se configura como uma estratégia de desenvolvimento territorial sustentável. O município de São João da Barra está inserido no contexto do projeto Geoparque Costões e Lagunas do Rio de Janeiro. Localizado na região norte fluminense, atrai visitantes voltados principalmente para o turismo de sol e praia. O objetivo deste trabalho é apresentar uma proposta de roteiro geoturístico para o município, baseado na variedade de aspectos da geodiversidade identificados. Para isto foram selecionadas localidades com potencial para proporcionar informação geoturística incluindo localização, principais características, rochas e/ou processos encontrados em cada uma delas, bem como apontada uma potencial atividade já instalada por meio do geofood. O roteiro geoturístico contém os seguintes atrativos: (a) do ponto de vista do geoturismo urbano: antiga Casa de Câmara e Cadeia Municipal, Igreja Matriz de São João Batista, Cais do Imperador, Cais da Imperatriz, Centro Cultural Carlos Martins, Cine Teatro São João, (b) do ponto de vista da educação: Espaço da Ciência; e (c) geoturismo em área natural: Atafona (com quatro sítios para visitação) e Lagoa Salgada. Além de ser uma alternativa ao turismo de sol e praia, o roteiro proposto pode contribuir para a divulgação do geoturismo, para a conservação dos atrativos e desenvolvimento da economia local.


Keywords


Geoturismo; Roteiro geoturístico; Geoparque Costões e Lagunas

References


Alves, L.A.; Lima, V.S.; Miro, J.M.R. & Coelho, A.L.N. 2013. Classificação Geomorfológica das lagoas da Região Hidrográfica do Baixo Paraíba do Sul-RJ. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA FÍSICA APLICADA, 15, Vitória, ES, Anais, p. 1200-1208.

Bahniuk, A.M.R. 2013. Coupling Organic and Inorganic Methods to Study Growth and Diagenesis of Modern Microbial Carbonates, Rio de Janeiro State, Brazil: Implications for Interpreting Ancient Microbialite Facies Development. Swiss Federal Institute of Technology Zurich, PhD Thesis, 161p.

Bastos, A.C. 1997. Análise morfodinâmica e caracterização dos processos erosivos ao longo do litoral norte fluminense, entre Cabiúnas e Atafona. Programa de Pós-Graduação em Geologia e Geofísica Marinha, Universidade Federal Fluminense, Dissertação de Mestrado, 133p.

Birgel, D.; Meister, P.; Lundberg, R.; Horath, T.D.; Bontognali, T.R.R.; Bahniuk, A.M.; Rezende, C.E.; Vasconcelos, C. & Mckenzie, J.A. 2015. Methanogenesis produces strong 13C enrichment in stromatolites of Lagoa Salgada, Brazil: a modern analogue for Palaeo-/Neoproterozoic stromatolites? Geobiology, 13: 245-266.

Brambatti, L.E. (Org.). 2002. Roteiros de Turísticos e Patrimônio Histórico. EST Edições, Porto Alegre, 362 p.

BRASIL. 2002. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Mapa de clima do Brasil 1:5000000. Disponível em: . Acesso: 26 nov. 2019.

BRASIL. 2010. Ministério do Turismo. Secretaria Nacional de Políticas de Turismo, Departamento de Estruturação, Articulação e Ordenamento Turístico, Coordenação-Geral de Segmentação. Sol e Praia: orientações básicas. – 2.ed – Brasília: Ministério do Turismo, 59 p.

BRASIL. 2017. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Divisão regional do Brasil em regiões geográficas imediatas e regiões geográficas intermediárias: 2017/IBGE, Coordenação de Geografia. - Rio de Janeiro: IBGE, 82p.

BRASIL. 2018. Ministério do Turismo. Plano Nacional de Turismo 2018-2022 : Mais Emprego e Renda Para o Brasil. Secretaria Nacional de Políticas de Turismo. Departamento de Estruturação, Articulação e Ordenamento Turístico. Brasília, 162 p.

BRASIL. 2019. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Cidades IBGE. Disponível em: . Acesso: 10 dez. 2019.

Brilha, J. 2015. Geoconservation, Concept of. In: TIESS, G.; MAJUMDER, T.; CAMERON, P. (ed.). Encyclopedia of Mineral and Energy Policy. Springer-Verlag Berlin Heidelberg, p. 1-2.

Carcavilla, L.; Duran, J.J.; Lopez-Marinez, J. 2008. Geodiversidad: concepto y relación con el patrimonio geológico. Geo-Temas, 10: 1299-1303. Disponível em: . Acesso em: 30 mai. 2018.

Coimbra, M.M.; Silva, C.G.; Barbosa, C.F. & Ken, A.M. 2000. Radiocarbon measurements of stromatolite heads and crusts at the Salgada Lagoon, Rio de Janeiro state, Brazil. Nuclear Instruments and Methods in Physics Research, 172: 592-596.

Correia, L.C.; Alves, M.G.; Chrispim, Z.M.P.; Cerqueira, F.C.; Silva Júnior, G.C. 2016. Análise da produtividade de poços tubulares profundos no município de São João da Barra/RJ. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE ÁGUAS SUBTERRÂNEAS, 19, Campinas, 2016, p.1-15.

Costa, G. 1994. Caracterização Histórica, Geomorfológica e Hidráulica do Estuário do Rio Paraíba do Sul. Universidade Federal do Rio de Janeiro, Dissertação de Mestrado, 107p.

Costa, C.R. 2008. O Príncipe Maximiliano de Wied-Neuwied e sua Viagem ao Brasil (1815-1817). Programa de Pós-Graduação em História, Universidade de São Paulo, Tese de Doutorado, 132p.

Declaração de Arouca. 2011. Declaração de Arouca. Congresso Internacional de Geoturismo – “Geotourism in Action - Arouca 2011. Disponível em: . Acesso em: 15 jan. 2018.

Del Lama, E.A., Bacci, D.L.C., Martins, L., Garcia, M.G.M., & Dehira, L.K. 2015. Urban geotourism and the Old Centre of São Paulo city, Brazil. Geoheritage, 7: 147-164.

Fernandez, G.B.; Pereira, T.G. & Rocha, T.B. 2009. Coastal Dunes along Rio de Janeiro Coast: Evolution and Management. Journal of Coastal Research, 56: 307-311.

Ficagna, A.C. & Costa, V.C. 2013. Análise do impacto ambiental em áreas de potencial turístico na zona costeira do município de São João da Barra (RJ). OLAM – Ciência & Tecnologia, 13(1): 204-227.

Geofood. 2020. The concept. Disponível em: . Acesso em: 07 mar. 2020.

Herity. 2020. International non-profit Organization for Quality Management of Cultural Heritage. Disponível em: . Acesso em: 02 jan. 2020.

Kuhn, C.E.S.; & Tobias, T.C. 2017. Roteiro geoturístico de Chapada dos Guimarães: uma proposta de educação em Geociências. Ciência e Sustentabilidade, 3(1): 74-93.

Liccardo, A.; Piekarz, G.F. & Salamuni, E. 2008. Geoturismo em Curitiba. MINEROPAR: Curitiba, 122 p.

Macerinskiene, A. 2010. Determination criteria for national water tourism routes. WIT Transactions on Ecology and the Environment, 139:145–158.

Mansur, K.L.; Carvalho, I.S.; Delphim, C.F.M & Barroso, E.V. 2008. O Gnaisse Facoidal: a mais carioca das rochas. Anuário do Instituto de Geociências - UFRJ, 31(2):9-22.

Mansur, K.; Guedes, E.; Alves, M.G.; Pressi, L.F.; Costa Jr., N.; Pessanha, A.; Nascimento, L.H. & Vasconcelos, G. 2012. Geoparque costões e lagunas do estado do Rio de Janeiro (RJ). In: SCHOBBENHAUS, C. & SILVA, R.C. (eds.). Geoparques do Brasil: propostas. Serviço Geológico do Brasil, p. 687-745.

Mansur, K.L.; Silva, D.R.; Silva Jr, G.C.; Borghi, L.; Lamego, V.E.; Verbicario, M.E.T; Gonçalves, R.R.T. & Riente, U.L. 2018. Estromatólitos da Lagoa Salgada. Vida produzindo rocha. Cartilha Geoparque Costões e Lagunas do Rio de Janeiro, Série Geossítios, v.2, 15p.

Martin, L.; Suguio, K. & Flexor, J.M. 1993. As flutuações do nível do mar durante o Quaternário Superior e a evolução geológica de“deltas”brasileiros. Boletim de Geociências - USP, 15:1-186.

Massuqueto, L.L. & Moreira, J.C. 2012. Roteiro geoturístico na gruta Pinheiro Seco, Castro/PR. Terr@ Plural, Ponta Grossa, v.6, n.1, p. 153-173.

Maximiliano, P.D.W.N. 1958. Viagem ao Brasil. Trad. Edgar Sussekind de Mendonça e Flávio Poppe de Figueiredo. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 2ª edição, 557 p.

Nascimento, M.A.L.; Silva, M.L.N. & Bezerra, G.B. 2018. Presença da geodiversidade em itinerário geoturístico no centro histórico de Natal/RN (NE Brasil). Terr@ Plural, 12(2): 238-253.

Neches, I.M. & Erdeli, G. 2015. Geolandscapes and Geotourism: Integrating Nature and Culture in the Bucegi Mountains of Romania. Landscape Research, 40(4):486-509.

Plantz, J.B.; Carelli, T.C.G.; Borghi, L.; Ramos, R.R.C. & Mello, C.L. 2019. Sequências Deposicionais da Porção Central do Complexo Deltaico do Rio Paraíba do Sul (RJ, Brasil). Anuário do Instituto de Geociências - UFRJ, 42(3): 254-273.

Queiroz D.S.; Del Lama E.A. & Garcia, M.G.M. 2019. Proposta de roteiro geoturístico pelos prédios históricos do Centro de Santos, SP. Terræ Didatica, 15: 1-7.

Rocha, T.B. 2009. Morfodinâmica costeira e gestão de orla marítima em costa sob influência fluvial: delta do Rio Paraíba do Sul. Programa de Pós-Graduação em Geografia, Universidade Federal Fluminense, Dissertação de Mestrado, 141p.

Rocha, T.B.; Machado, B.A.; Silva, J.C.; Mello, G.S.; Pereira, T.G. & Fernandez, G.B. 2018. Interação morfodinâmica entre praia e duna frontal no delta do rio Paraíba do Sul (RJ) a partir de uma década de monitoramento. Revista Brasileira de Geomorfologia, 19(2): 283-301.

Ruban, D.A. 2019. Water in Descriptions of Global Geoparks: Not Less Important than Geology? MDPI, Water, Communication, 11, 1866, 12p.

Santos, R.A. 2006. Processos de Erosão e Progradação entre as praias de Atafona e Grussaí - RJ. Instituto de Geociências, Universidade Federal Fluminense, Monografia de Graduação, 36p.

São João da Barra. 2019. São João da Barra: histórico. Site da prefeitura municipal de São João da Barra. Disponível em: . Acesso em: 13 dez. 2019.

Sell, J.C.; & Borba, A.W. 2018. Um roteiro geoturístico na estrada paisagística Guaritas (Santana da Boa Vista e Caçapava do Sul, RS, Brasil). Terr@ Plural, 12(3), 320-331.

Silva e Silva, L.H.; Srivastava, N.K.; Iespa, A.A.C. & Iespa, C.M.D. 2007. Evidência de oncóides recentes na Lagoa Salgada, norte do estado do Rio de Janeiro, sudeste brasileiro. Geociências, 6(1): 201-206.

Silva e Silva, L.H; Iespa, A.A.C; Iespa, C.M.D. 2008. Composição dos Estromatólitos Estratiformes da Lagoa Salgada, Rio de Janeiro, Brasil. Anuário do Instituto de Geociências - UFRJ, 31(2): 42-49.

Silva e Silva, L.H.; Alves, S.A.P.M.N.; Magina, F.C. & Gomes, S.B.V.C. 2013. Composição cianobacteriana e química dos estromatólitos da lagoa Salgada, Neógeno do estado do Rio de Janeiro, Brasil. Revista do Instituto de Geociências, 13(1): 95-106.

Silva, R.G.P. & Mansur, K.L. 2017. Proposta de roteiro para a prática de geoturismo urbano e para a geoeducação no centro da cidade do Rio de Janeiro. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE PATRIMÔNIO GEOLÓGICO, 4, Ponta Grossa, 2017. UEPG, p. 482- 486.

Silva, D.R.; Mansur, K.L. & Borghi, L.F. 2018. Evaluation of the scientific value of Lagoa Salgada (Rio de Janeiro, Brazil): characterization as geological heritage, threats and strategies for geoconservation. Journal of the Geological Survey of Brazil, 1(2): 69-80.

Silva, D.R.; Mansur, K.L. & Borghi, L.F. 2019. Distribution and Growth Morphology of the Recent Microbialites: the Case of Lagoa Salgada, Rio de Janeiro – Brazil. Anuário do Instituto de Geociências – UFRJ, 42(1): 439-453.

Silveira, L.F., Borghi, L., de Medeiros, S.R., Lopes, J.N., Santos, B.R.D.C., & da Silva, D.R. 2019. Caracterização Fotoestratigráfica e Petrofaciológica dos Cordões Arenosos Litorâneos do Delta do Rio Paraíba do Sul, RJ. Anuário do Instituto de Geociências - UFRJ, 42(1): 536-553.

Souza, R.D. 2011. Propagação de ondas para águas rasas no litoral norte fluminense. Programa de Pós-Graduação em Geofísica e Geologia Marinha, Universidade Federal Fluminense, Dissertação de Mestrado, 156p.

UNESCO. 2020 – United Nations Educational, Scientific and Cultural Organization. UNESCO Global Geoparks. Disponível em: http://www.unesco.org/new/en/natural-sciences/environment/earth-sciences/unesco-global-geoparks/. Acesso em: 18 jun. 2020.

Vale, T.F.; Moreira, J.C. & Horodyski, G.S. 2019. GEOFOOD: A produção de alimentos regionais fomentando a economia criativa. In: VILANI, R.M; VANZELLA, E; BRAMBILLA, A. (org.). Alimentação e Sustentabilidade. Editora do CCTA. João Pessoa: Série Alimentação e Cultura, 267-296.

Valeriano, C.M. 2006. A Odisséia do Pão de Açúcar - As rochas contam sua história. Projeto Caminhos Geológicos, DRM-RJ. Disponível em: . Acesso em: 31 mar. 2008.

Valeriano, C.M.; Heilbron, M.; Nascimento, V. & Mansur, K.L. 2007a. A Geologia do Morro do Corcovado. Projeto Caminhos Geológicos, DRM-RJ. Disponível em: . Acesso em: 28 nov. 2015.

Valeriano, C.M.; Heilbron, M.; Nascimento, V.& Mansur, K.L. 2007b. De Braços Abertos para a Geologia. Projeto Caminhos Geológicos, DRM-RJ. Disponível em: . Acesso em: 31 mar. 2008.

Valeriano, C.M. & Silva, L. 2012. Geologia e recursos minerais da folha Baía de Guanabara SF-23-ZB-IV, Estado do Rio de Janeiro, escala 1:100.000. Belo Horizonte, Programa Geologia do Brasil.

Winge, M. et. al. 2001. Glossário Geológico Ilustrado. Disponível em: . Acesso em: 22 dez. 2019.




DOI: https://doi.org/10.11137/2020_3_402_414

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Indexers and Bibliographic DatabasesFollow us
SCImago Journal & Country Rank
ISSN
ROAD
Clarivate
Diadorim
DOAJ
DRJI
GeoRef
Google Scholar
Latindex
REDIB
Oasisbr
Twitter
Instagram
Facebook
All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International Public License (CC BY-NC 4.0).