Diferentes Metodologias de Dosagem de Misturas Solo-RAP para Uso em Pavimentação

Victor Garcia de Almeida, Mario Sergio de Souza Almeida, Fernanda Costa da Silva Maciel, Luciana Negrão de Moura, Weiner Gustavo Silva Costa, Maria do Socorro Costa São Mateus

Abstract


O crescente aproveitamento de resíduos na Engenharia Rodoviária vem ganhando força em vários países, incluindo o Brasil, em função dos ganhos ambientais e econômicos associados a esta atividade. A presente pesquisa buscou avaliar misturas de solo e RAP (Reclaimed Asphalt Pavement), para utilização como camada de pavimentos rodoviários, a partir de ensaios de Índice de Suporte Califórnia (ISC) e ensaios de Resistência à Compressão Não Confinada (RCNC). O estudo avaliou a influência de diferentes teores de RAP (30%, 50%, 70% e 90%) e de cimento (2%, 4%, 5%, 6%, 7%, 8%, 9% e 10%) na resistência das misturas. Os resultados de ISC demonstraram a viabilidade do uso da mistura solo-RAP sem cimento como sub-base de pavimento rodoviário e indicaram também a viabilidade do uso como base para baixos teores de cimento. Por fim, os ensaios de RCNC demonstraram que a utilização dos materiais dependerá do normativo considerado no projeto da mistura.


Keywords


Material fresado; Agregado negro; Solo-cimento

References


ABNT. 2012. Associação Brasileira de Normas Técnicas. NBR 12253 – Solo-cimento – Dosagem para emprego como camada de pavimento. Rio de Janeiro: ABNT, 3p.

ABNT. 2016a. Associação Brasileira de Normas Técnicas. NBR 6459: Solo-Determinação do limite de liquidez. Rio de janeiro: ABNT, 5p.

ABNT. 2016b. Associação Brasileira de Normas Técnicas. NBR 7180: Solo - Determinação do limite de plasticidade. Rio de janeiro: ABNT, 2016b. 3p.

ABNT. 2018. Associação Brasileira de Normas Técnicas. NBR 7181:2016 Versão Corrigida 2:2018. - Solo - Análise granulométrica. Rio de Janeiro: ABNT, 12p.

Adhikari, S.; Khattak, M.J. & Adhikari, B. 2018. Mechanical characteristics of Soil-RAP-Geopolymer mixtures for road base and subbase layers. International Journal of Pavement Engineering, 21(4): 483-496.

Alhaji, M.M. & Alhassan, M. 2018. Effect of Reclaimed Asphalt Pavement Stabilization on the Microstructure and Strength of Black Cotton Soil. International Journal of Technology, 4: 727-736.

DEINFRA-SC. 2016. Departamento de Infraestrutura do Estado de Santa Catarina. Pavimentação: Reciclagem profunda de pavimentos. ES-P09/16. Santa Catarina, 21 p.

DER-BA. 2001. Departamento de Estradas de Rodagem do Estado da Bahia. Base de Solo melhorado com cimento. ES-P-06/01. Bahia, 9 p.

DER-PR. 2005. Departamento de Estradas de Rodagem do Estado do Paraná. Pavimentação: solo-cimento e solo tratado com cimento. ES-P 11/05. Paraná, 19 p.

DNER. 1994a. Departamento Nacional de Estradas de Rodagem. ME 93: Solo – Determinação da Densidade Real. Rio de Janeiro, 4 p.

DNER. 1994b. Departamento Nacional de Estradas de Rodagem. ME 258: Solos Compactados com Equipamentos Miniatura – Mini-MCV. Rio de Janeiro, 14 p.

DNER. 1994c. Departamento Nacional de Estradas de Rodagem. ME 256: Solos Compactados com Equipamentos em Miniatura – Determinação da Perda de Massa por Imersão. Rio de Janeiro, 6 p.

DNER. 1994d. 1994d. Departamento Nacional de Estradas de Rodagem. ME 53: Misturas betuminosas – Porcentagem de betume. Rio de Janeiro, 5 p.

DNER. 1994e. Departamento Nacional de Estradas de Rodagem. ME 202: Solo–cimento – Moldagem e cura de corpos de prova cilíndricos, Rio de Janeiro, 7 p.

DNER. 1994f. Departamento Nacional de Estradas de Rodagem. ME 201: Solo–cimento – Compressão axial de corpos de prova cilíndricos. Rio de Janeiro, 4 p.

DNER. 1996. Departamento Nacional de Estradas de Rodagem. CLA 259: Classificação de Solos Tropicais para Finalidades Rodoviárias Utilizando Corpos-de-prova Compactados em Equipamentos Miniatura. Rio de Janeiro, 6 p.

DNER. 1998. Departamento Nacional de Estradas de Rodagem. ME 81: Agregados - Determinação da absorção e da densidade de agregado graúdo. Rio de Janeiro, 6 p.

DNIT. 2010a. Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes. ES 143: Pavimentação – Base de solo-cimento. Rio de Janeiro, 10 p.

DNIT. 2010b. Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes. ES 142: Pavimentação – Base de solo melhorado com cimento. Rio de Janeiro, 9 p.

DNIT. 2010c. Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes. ES 141: Pavimentação – Base estabilizada granulometricamente. Rio de Janeiro, 9 p.

DNIT. 2010d. Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes. ES 139: Pavimentação – Sub-base estabilizada granulometricamente. Rio de Janeiro, 8 p.

DNIT. 2013. Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes. ME 164: Solo – Compactação Utilizando Amostras não Trabalhadas. Rio de Janeiro, 7 p.

DNIT. 2016. Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes. ME 172: Solo – Determinação do Índice de Suporte Califórnia Utilizando Amostras não Trabalhadas. Brasília, 17 p.

EMBRAPA. 2018. Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária. Sistema Brasileiro de Classificação de Solos, Brasília, DF, 355 p.

Fedrigo, W.; Núñez, W.P.; Ceratti, J.A.P.; Ely, V.; Souza, E.; Gonçalves, G.; Magalhães, A.; Machado Filho, P.; Melo, D.; Gonçalves, B. 2015. Efeito da energia de compactação e do teor de fresado no comportamento mecânico de misturas típicas da reciclagem de pavimentos com adição de cimento. Revista Estradas, 14: 22-27.

Gaspar, M.S., Vasconcelos, K.L., Lopes, M.M., Bernucci, L.L.B. 2020. Evaluation of binder blending on warm mix asphalt recycling. Revista Transportes, 28(2): 87–99.

Ghanizadeh, A.L. & Rahrovan, M. 2019. Modeling of unconfined compressive strength of soil-RAP blend stabilized with Portland cement using multivariate adaptive regression spline. Frontiers of Structural and Civil Engineering, 13: 787-799.

Ghanizadeh, A.L.; Rahrovan, M. & Bafghi, K.B. 2018. The effect of cement and reclaimed asphalt pavement on the mechanical properties of stabilized base via full-depth reclamation. Construction and Building Materials, 161: 165-174.

Nogami, J.S. & Villibor, D.F. 1995. Pavimentação de baixo custo com solos lateríticos. São Paulo, Villibor, 213p.

Ochepo, J. 2014. Stabilization of laterite soil using reclaimed asphalt pavement and sugarcane bagasse ash for pavement construction. Journal of Engineering Research, 2(4): 1-13.

Rodrigues, M.G.F.; Nacif, P.G.S; Costa, O.V. & Olszevski, N. 2009. Solos e suas Relações com as Paisagens Naturais no Município de Cruz das Almas – BA. Revista de Biologia e Ciência da Terra, 9(2): 193-205.

Segundo, I.G.R.; Branco, V.T.F.C.; Vasconcelos, K.L. & Holanda, A.S. 2016. Misturas asfálticas recicladas a quente com incorporação de elevado percentual de fresado como alternativa para camada de módulo elevado. Revista Transportes, 24(4): 85-94.

Suddeepong, A.; Intra, A.; Horpibulsuk, S.; Suksiripattanapong, C.; Arulrajah, A. & Shen, J.S. 2018. Durability against wetting-drying cycles for cement-stabilized reclaimed asphalt pavement blended with crushed rock. Soils and Foundations, 58(2): 333-343.

Suebsuk, J.; Suksan, A. & Horpibulsuk, S. 2014. Strength assessment of cement treated soil-reclaimed asphalt pavement (RAP) mixture. International Journal of Geomate, 6(2): 878-884.

Suebsuk, J.; Horpibulsuk, S.; Suksan, A.; Suksiripattanapong, C.; Phoo-ngernkham, T. & Arulrajah, A. 2019. Strength prediction of cement-stabilised reclaimed asphalt pavement and lateritic soil blends. International journal of pavement engineering, 20(3): 332-338.

Unger Filho, W.; Klinsky, L.M.G.; Motta, R. & Bernucci, L.L.B. 2020. Cold Recycled Asphalt Mixture using 100% RAP with Emulsified Asphalt-Recycling Agent as a New Pavement Base Course. Advances in Materials Science and Engineering, 2020: 1-11.




DOI: https://doi.org/10.11137/1982-3908_2021_44_36210

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Indexers and Bibliographic DatabasesFollow us
SCImago Journal & Country Rank
ISSN
ROAD
Clarivate
Diadorim
DOAJ
DRJI
GeoRef
Google Scholar
Latindex
REDIB
Oasisbr
Twitter
Instagram
Facebook
All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International Public License (CC BY-NC 4.0).