Educação Física cultural: carta de navegação

Marcos Garcia Neira

Resumo


O cenário de mudanças dos últimos anos impactou diretamente a escola e o ensino da Educação Física. Na tentativa de encontrar alternativas que possam responder ao atual contexto democrático, multicultural, globalizado e profundamente desigual, surge uma proposta baseada nas chamadas teorias pós-críticas. Alinhada ao novo paradigma, a chamada perspectiva cultural do componente concebe as práticas corporais como artefatos da cultura, questiona os marcadores sociais nelas presentes, busca reconhecer os seus sujeitos e promove o diálogo com as diferenças. Para tanto, posiciona professores e estudantes como autores do currículo, por meio da leitura, ressignificação e produção de brincadeiras, danças, lutas, esportes e ginásticas. O presente estudo compilou e analisou a produção científica sobre o assunto para dela extrair os princípios curriculares, procedimentos didáticos e concepção de conhecimento que a perpassam.


Palavras-chave


Educação Física: currículo: cultura

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1809-9556. Todos os direitos reservados a revista ARQUIVOS em MOVIMENTO e a seus Autores.