MULTICULTURALISMO: DIVERSIDADE/ DIFERENÇA NAS AULAS DE EDUCAÇÃO FÍSICA NA EDUCAÇÃO INFANTIL

Fabíola Rocha, Humberto Almeida dos Santos, Felipe da Silva Triani, Jorge Felipe Columá, Simone Freitas Chaves

Resumo


O objetivo desse estudo foi utilizar-se da ótica Multicultural através de uma proposta pedagógica de ensino na Educação Física Infantil, com sentido de problematizar e valorizar as diferenças e diversidades trazidas pelas “crianças pequenas”, que permeiam a educação e a sociedade. A partir de análises e reflexões textuais, concluímos a importância de reconhecer e valorizar a cultura pertencente a cada indivíduo desde seus anos iniciais, e se apropriando da visão Multicultural como conteúdo teórico, para tornar o trabalho pedagógico intencional no lidar com as questões de diferenças e diversidades, seja elas de classe social, credo religioso, etnia, gênero, cultural, entre outras, de maneira respeitosa contribuindo para a desconstrução de preconceitos, formação e constituição do ser social, com reflexo dentro e fora da escola.


Palavras-chave


Multiculturalismo; Educação Infantil; Diversidade

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL, Ministério da Educação Secretaria de Educação Infantil e Fundamental. Política Nacional de Educação Infantil: pelo direito das crianças de zero a seis anos à Educação. 2005

BRASIL, Ministério da Educação. Secretaria de Educação Básica Parâmetros nacionais de qualidade para a educação infantil/Ministério da Educação. Secretaria de Educação Básica – Brasília. DF v.l; il. 2006.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Básica. Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil. Brasília: MEC, SEB, 2010.

BRASÍLIA, DF. Presidência da Republica Casa Civil – Subchefia para Assuntos Jurídicos. LEI Nº 9.394, DE 20 DE DEZEMBRO DE 1996. 175º da Independência e 108º da República. Acesso em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/L9394.htm, 1996.

CANEN, A.; OLIVEIRA, A. M. A. Multiculturalismo e currículo em ação: um estudo de caso*. Revista Brasileira de Educação. Nº 21. Rio de Janeiro, 2002.

CANEM, A. Dossiê Educação e Desenvolvimento O Multiculturalismo e seus Dilemas: implicações na educação. Comunicação e Política. v. 25. n. 2. p. 91-107. 2014.

DAOLIO, J. A antropologia social e a educação física: possibilidades de encontro. In: CARVALHO, Yara M. de; RUBIO, Katia. Educação física e ciências humanas. São Paulo: Hucitec, 2001, p.27-38.

DAOLIO, J. Da cultura do corpo. Campinas, Papirus. 1995.

DAOLIO, J. Educação Física e o Conceito de Cultura: Implicações do nosso tempo. Autores Associados. Campinas, SP. 2004.

FERREIRA, F. J. S. Multiculturalismo e Educação. In: Meu artigo. ANO. Disponível em:. Acesso em: 05/2017.

FORQUIN, Jean-Claude. Escola e cultura: as bases sociais e epistemológicas do conhecimento escolar. Porto Alegre, ARTMED, 1993.

FREIRE, J. B. Educação de Corpo Inteiro: Teoria e Prática da Educação Física

São Paulo. Editora Scipione. 1997.

FUCK, I. T. Alfabetização de Adultos. Relato de uma experiência Construtivista. 2ª ed., Vozes, Petrópolis, Brasil. 1994.

GONÇALVES, L. A. O. ; SILVA, P. B. G. Multiculturalismo e educação: do protesto de rua a propostas e políticas. Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 29, n. 1, p. 109-123, jan./jun. 2003.

GUSMÃO, Neusa M. M. de. Diversidade, cultura e educação. São Paulo, Biruta, 2003.

KRAMER, S. O papel social da educação infantil. Revista Textos do Brasil, Brasília, Ministério das Relações Exteriores, 1999.

MACHADO, M. L. A. Criança pequena, educação infantil e formação dos profissionais. PERSPECTIVA. Florianópolis, v.17, n. Especial, p. 8S - 98, jul./dez. 1999.

MCLAREN, Peter. Multiculturalismo Crítico. São Paulo: Cortez 1997

MOTA, C. C. F.; LIMA, E. S. Brincando e Aprendendo cm as Diferenças: A Construção do currículo multicultural na educação infantil. Realize Editora - Campina Grande, 2012.

NEIRA, M. G. A EDUCAÇÃO FÍSICA EM CONTEXTOS MULTICULTURAIS: concepções docentes acerca da própria prática pedagógica. Currículo sem Fronteiras. v. 8, n.2, p.39-54, jul.-dez. 2008.

NEIRA, M. G. O multiculturalismo Crítico e suas Contribuições para o Currículo da Educação Física. Temas em Educação Física Escolar, v. 1, n. 1, p.3-29, jan.-jun. 2016.

NEIRA, M. Teorias pós-críticas da educação: subsídios para o debate curricular da Educação Física. Dialogia, São Paulo, n. 14, p. 195-206, 2011.

OLIVEIRA, Z. M. R. O CURRÍCULO NA EDUCAÇÃO INFANTIL: O QUE PROPÕEM AS NOVAS DIRETRIZES NACIONAIS?. ANAIS DO I SEMINÁRIO NACIONAL: CURRÍCULO EM MOVIMENTO – Perspectivas Atuais Belo Horizonte, novembro de 2010.

RODRIGUES, P. C. R. Multiculturalismo - A diversidade cultural na Escola. Escola Superior de Educação João de Deus. Lisboa, jan. 2013.

SABATOVSKI, E.; FONTOURA, I. P. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional - LDB 9394/96. Brasil.2012.

SILVA, M. J. A.; BRANDIM, M. R. L. Multiculturalismo e educação: em defesa da diversidade cultural. Diversa, ano I, n.1, p. 51-66, jan.-jun. 2008.

SILVA, R. C. O. Formação Multicultural de Professores de Educação Física: entre o possível e o real. UFRJ – Universidade Federal do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro, 2008.

SILVA, T. T.; HAAL, S.; WOODWARD, K. Identidade e Diferença – A perspectiva dos Estudos Culturais. Editora Vozes. 3ª Edição Rio de Janeiro, 2000.

SOARES, C. L. et all. Metodologia do Ensino da Educação Física. Cortez Editora. 1992.

Touraine, A. A escola do sujeito. Poderemos viver juntos? Iguais e diferentes. Vozes, (pp.317 – 343). Petrópolis, Brasil. 1999.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1809-9556.

Todos os direitos reservados a revista ARQUIVOS em MOVIMENTO e a seus Autores.