ABERTURA DA TEMPORADA 2005 DE MONTANHISMO NO RIO DE JANEIRO: NOTAS ETNOGRÁFICAS

Edmundo Drummond, Cleber Augusto G. Dias

Resumo


Este é mais um trabalho que se desenvolve no âmbito do Instituo Virtual do Esporte (IVE), que tem como proposta fundamental à criação de uma rede de pesquisas científicas na área dos Estudos do Esporte. Especificamente neste trabalho, tivemos como objetivo buscar informações através de uma observação sistemática e participação direta no contexto pesquisado, neste caso, a Abertura da Temporada de Montanhismo do Rio de Janeiro, investigando as peculiaridades comportamentais desses esportistas, através de uma análise sobre suas formas de pensar e agir. Para tal, optamos por empreender um estudo etnográfico, que consiste num estudo interpretativo de aspectos sócio-culturais de um grupo específico. Mais precisamente elencamos três procedimentos metodológicos: a captura de falas discursivas através do estabelecimento de conversas informais, as quais somou-se a realização de entrevistas semi-estruturadas; a observação direta e sistemática dos acontecimentos e o registro fotográfico. Em linhas gerais, observamos que sua organização está assentada sob um paradoxo, proveniente do convívio entre o espírito anárquico dos praticantes com o caráter institucional das associações; entre a crescente mercantilização e a apologia de valores ecológicos. Os praticantes parecem motivados pela busca do desconhecido e da fusão comunitária, o desejo de estar em comunhão com o outro.


Palavras-chave


Lazer; montanhismo; etnografia.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1809-9556.

Todos os direitos reservados a revista ARQUIVOS em MOVIMENTO e a seus Autores.