Meras aparições: a figura do autor em "Lorde" e "Budapeste"

Valeria Silveira Brisolara

Resumo


Dois importantes romances da literatura brasileira recente, Lorde de João Gilberto Noll e Budapeste de Chico Buarque, compartilham muitas preocupações. Os protagonistas de ambas as obras são escritores imersos em questionamentos sobre as suas condições de autores e as suas relações com a escrita e com as obras que produzem. À luz desse contexto, o objetivo deste artigo é analisar a figura do autor nos romances e, a partir da análise dos protagonistas de ambas as obras, discutir questões ligadas à autoria e à relação que mantêm com o que escrevem.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.