“Pero También Tuvimos Ventajas” Cotidiano, memória e resignação em “Casa tomada”, de Julio Cortázar, e em Os anéis de Saturno, de W.G. Sebald

Wilson José Flores Jr

Resumo


Este artigo propõe uma leitura comparada de aspectos do conto “Casa tomada”, de Julio Cortázar, e de um episódio do romance Os anéis de Saturno, de W.G. Sebald, a partir da perspectiva crítica de Walter Benjamin. A ênfase recai na análise de questões relativas à memória em relação à mercantilização da vida, à decadência da experiência, à paralisia e ao trabalho incessante e repetitivo (aproximado de uma pena infernal), que redundam, entre outras coisas, em um senso de fatalidade diante das coisas e, consequentemente, de impotência frente à história e à própria vida. A análise proposta, menos do que uma exaustiva comparação entre obras, procura discutir algumas afinidades entre as narrativas e, ao final, propõe uma visada histórica em relação ao momento presente, em que a derrocada de certa ortodoxia economia (que encontra no termo “neoliberal” sua melhor caracterização), longe de ser acompanhada da superação do conjunto ideológico que a sustenta há cerca de 30 anos, tem levado, paradoxalmente, à sua reafirmação e mesmo ao recrudescimento de suas receitas.


Texto completo:

PDF

Referências


BENJAMIN, W. Documentos de cultura, documentos de barbárie. São Paulo: Cultrix: Edusp, 1986.

________. Obras escolhidas III: Charles Baudelaire, um lírico no auge do capitalismo. São Paulo: Brasiliense, 1994.

________. Passagens. Belo Horizonte: Editora UFMG; São Paulo: Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2009.

BUENO, A. Formas da crise. Rio de Janeiro: Graphia, 2002.

CORTÁZAR, J. Bestiário. 5.ed. Madrid: Santillana, 1993.

HELLER, A. O cotidiano e a história. São Paulo: Paz e Terra, 2008.

HOLANDA, S. B. de. Raízes do Brasil. 17.ed. Rio de Janeiro: José Olympio, 1984.

JAY, M. A imaginação dialética: história da Escola de Frankfurt e do Instituto de Pesquisas Sociais, 1923-1950. Rio de Janeiro: Contraponto, 2008.

KOTHE, F. Benjamin & Adorno: confrontos. São Paulo: Ática, 1978.

LEFEBVRE, H. A vida cotidiana no mundo moderno. São Paulo: Ática, 1991.

LÖWY, M. Walter Benjamin: aviso de incêndio. São Paulo: Boitempo, 2009.

SEBALD, W. G. Os anéis de Saturno. Rio de Janeiro: Record, 2002.

_______. Os emigrantes. São Paulo: Companhia das Letras, 2009.

VALÉRY, P. Variété I et II. Paris: Gallimard, 2005. (Petite lettre sur les mythes, p.297 a 307).


Apontamentos

  • Não há apontamentos.