Inclusão escolar: os desafios da educação musical no ensino de crianças

Michele de Souza Senra, Thelma Sydenstricker Alvares, Michele Morgane de Melo Mattos

Resumo


A demanda de pessoas com o Transtorno do Espectro Autista (TEA) na escola regular tem crescido expressivamente nos últimos anos e ainda esbarramos com barreiras que segregam muito mais do que incluem. Para que a instituição escolar atenda as necessidades específicas desses alunos, seria necessário potencializar a formação continuada do professor para viabilizar práticas pedagógicas mais inclusivas. Este texto é parte de uma pesquisa que se encontra em andamento e tem como objetivo tecer algumas reflexões sobre a Educação Musical dentro do processo de inclusão de crianças com TEA na escola regular visando a uma educação mais eficiente e respeitosa com relação aos limites e potencialidades apresentados por essas crianças. Consideramos que, partindo do princípio de que a música contribui para o desenvolvimento humano independente da patologia, cada indivíduo tem por direito a igualdade para se expressar e aprender. Além disso, o ensino de música pode facilitar a inclusão e a inserção desses alunos em um contexto social.

Palavras-chave


Transtorno do Espectro Autista; Diversidade; Educação Musical

Texto completo:

PDF

Referências


ÁLVARES, Thelma Sydenstrick; AMARANTE, Paulo. Educação musical na diversidade: um caminho para a ressignificação do sujeito em sofrimento psíquico. In: ALVARES, Thelma Syndenstricker; AMARANTE, Paulo (Org.). Educação musical na diversidade: construindo um olhar de reconhecimento e equidade social em educação. Curitiba: Editora CRV, 2016.

AMERICAN PSYCHIATRIC ASSOCIATION. Manual de Diagnóstico e Estatístico dos Transtornos Mentais. 5ª Edição. 2014.

ARAUJO, C. A. Psicologia e os Transtornos do Espectro do Autismo. In: ARAUJO, Ceres Alves; SCHWARTZMAN, José Salomão (Orgs.) TEA: transtornos do espectro autista. São Paulo: Memnon, 2011, p. 173-201.

BANG, Claus. Um mundo de som e música. In: RUUD, Even (Org.). Música e saúde. Trad. Vera B., Wrobel; Glória P. Camargo e Miriam Goldfeder. São Paulo: Summus Editora, 1991, p. 19-34.

BRASIL. Lei n. 10.436, 24 de abril de 2002. Dispõe sobre a Língua Brasileira de Sinais – Libras e dá outras providências. Disponível em:

leis/2002/L10436.htm>. Acesso em: 25 maio 2016.

BRASIL. Ministério da Educação e Cultura. Secretaria Geral. Centro Nacional de Educação Especial. Plano Nacional de Educação Especial 1977/1979. Brasília: MEC; CENESP, 1977.

_______. Projeto Prioritário Capacitação de Recursos Humanos para a Educação Especial 1975/1979. Brasília: MEC/ CENESP, 1974.

_______. Resolução n. 02/2001. Diretrizes Nacionais para a Educação Especial na Educação Básica. Brasília: CNE, 2001.

_______. Relatório 1979-1985. Brasília: 1985.

_______. Programa Educação Inclusiva: direito à diversidade, 2006. . Acesso em: 25 maio 2016.

_______. Lei n. 9.394, de 23 de dezembro de 1996. Fixa Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Brasília, 1996.

CROCHIK, José Leon. Educação inclusiva e preconceito: desafios para a prática pedagógica. In: MIRANDA, Theresinha Guimaraes; FILHO, Teófilo Alves Galvão (Orgs). O professor e a educação inclusiva: formação, práticas e lugares. Salvador: Edufba, 2012, p. 39-59.

CROCHÍK, José Leon; SASS, Odair. Projeto temático: teoria crítica, formação e indivíduo. 2008. Disponível em: .

CUNHA, Eugênio. Autismo na escola: um jeito diferente de aprender, um jeito diferente de ensinar. 3ª edição. Rio de Janeiro: Wak Editora, 2015.

______. Autismo e inclusão: psicopedagogia e práticas educativas na escola e na família. 5ª edição. Rio de Janeiro: Wak Editora, 2014.

FREIRE, Paulo. Política e educação: ensaios. 5 ed. São Paulo: Cortez Editora, 2001.

JESUS, Denise Meyrelles; EFFGEN, Ariadna Pereira Siqueira. Formação docente e práticas pedagógicas: conexões, possibilidades e tensões. In: MIRANDA, Theresinha Guimaraes; FILHO, Teófilo Alves Galvão (Orgs.). O professor e a educação inclusiva: Formação, práticas e lugares. Salvador: Edufba, 2012, p. 17-24.

LOURO, Viviane. Educação musical inclusiva: desafios e reflexões. In: SILVA, Helena Lopes da; ZILLE, José Antônio Baêta (Orgs.). Música e educação. Barbacena: edUEMG, 2015, v. 2, p. 33-51.

MCDOWELL, Carol. An Adaptation Tool Kit for Teaching Music. Teaching Exceptional Children Plus, 6 (3), 2010. Disponível em: . Acesso em 24 de set. 2016.

MIGNONE, Liddy Chiaffarelli, FERNANDEZ, Marina Lorenzo. Iniciação Musical: treinos de ouvido, ritmo e leitura. Rio de Janeiro: Edições Tupy, 1947.

PIMENTEL, Susana Couto. Formação de professores para a inclusão: saberes necessários e percursos formativos. In: MIRANDA, Theresinha Guimaraes; FILHO, Teófilo Alves Galvão (Org). O professor e a educação inclusiva: formação, práticas e lugares. Salvador: Edufba, 2012, p. 139-145.

SCHMIDT, Carlo. Temple Grandin e o autismo: uma análise do filme. Revista Brasileira de Educação Especial, Marília, v.18, n.2, p. 179-194, Abr.-Jun., 2012. Disponível em: . Acesso em 24 set. 2016.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 interFACES