O desafio na experiência de leitura da Coleção Particular: a estratégia mercadológica de uma (i)legibilidade

Laura Guimarães Corrêa, Valquíria Lopes Rabelo

Resumo


Este trabalho busca compreender como as configurações visuais e gráficas de um livro contribuem para a oferta de sentidos e a experiência de leitura, sem perder de vista os interesses mercadológicos de grupos editoriais. Para tanto, foram analisados três títulos pertencentes à Coleção Particular, publicados pela editora brasileira Cosac Naify. Os volumes apresentam recursos gráficos pouco usuais e que, em certa medida, aproximam-se do conceito de "livro de artista". Esses recursos por vezes configuram obstáculos, desafios e provocações para a leitura dos textos. Os livros que analisamos estabelecem relações conceituais com as narrativas por meio de acabamentos e materiais utilizados como formas expressivas, intencionalmente propostas, com objetivos comunicacionais. Com o título da coleção e a materialidade gráfica dos livros, a editora utiliza-se das ideias de colecionismo e singularidade como estratégias mercadológicas para diferenciar seus produtos editoriais

Palavras-chave


Design editorial; Análise gráfica; Colecionismo; Leitura; Consumo

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2014 Linguagens Gráficas

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.