ALEXANDRE EM QUINTO CÚRCIO E O PRINCIPADO ROMANO: UM ESTUDO DE ALLELOPOIESIS

Autores

  • Fábio Faversani Professor titular de História Antiga na Universidade Federal de Ouro Preto. Fez Pós-doutorado na Universidade de Oxford e na Universidade de St. Andrews. Trabalho realizado no âmbito do projeto “Rome our Home: (Auto)biographical Tradition and the Shaping of Identity(ies)” (PTDC/LLT-OUT/28431/2017). https://orcid.org/0000-0002-3464-1020
  • Fábio Duarte Joly Professor associado de História Antiga na Universidade Federal de Ouro Preto. Fez Pós-doutorado na Universidade de São Paulo. Trabalho realizado no âmbito do projeto “Liberdade, Escravidão e Cidadania de Augusto a Nero”, com o apoio do CNPq (Bolsa de Produtividade 2, processo 302301/2018-6). https://orcid.org/0000-0001-6549-3094

DOI:

https://doi.org/10.26770/phoinix.v27n2a5

Palavras-chave:

Quinto Cúrcio, Alexandre, Principado, allelopoiesis

Resumo

Quinto Cúrcio escreveu História de Alexandre Magno da Macedônia, possivelmente no século I d.C. O propósito do artigo é estudar principalmente a relação entre a construção da imagem de Alexandre e o contexto particular de produção da obra, o Principado romano, com suas tensões entre aristocratas e imperadores. Para tanto, desenvolvemos a noção de allelopoiesis, que enfatiza uma construção mútua entre passado e presente.

Métricas

Carregando Métricas ...

Downloads

Publicado

2021-12-28

Como Citar

FAVERSANI, Fábio; JOLY, Fábio Duarte. ALEXANDRE EM QUINTO CÚRCIO E O PRINCIPADO ROMANO: UM ESTUDO DE ALLELOPOIESIS. PHOÎNIX, [S. l.], v. 27, n. 2, p. 97–110, 2021. DOI: 10.26770/phoinix.v27n2a5. Disponível em: https://revistas.ufrj.br/index.php/phoinix/article/view/49099. Acesso em: 18 maio. 2024.

Edição

Seção

DOSSIÊ