Desigualdade de rendimentos por gênero intra-ocupações no Brasil, em 2004

Jacqueline Nogueira Cambota, Paulo Araújo Pontes

Resumo


Uma das características mais marcantes do mercado de trabalho brasileiro é o diferencial de rendimentos entre raças e gênero. Diante disso, este trabalho pretende verificar se há nesse mercado desigualdade de rendimentos por gênero para os indivíduos alocados em uma mesma ocupação, segundo sua auto-identificação racial. Para tanto, serão utilizados os dados da PNAD 2004 e uma metodologia semiparamétrica -- estimador do núcleo. Os exercícios contrafactuais sugerem evidências de discriminação contra mulher intra-ocupação, sendo esta visualmente mais evidente nas ocupações com maior escolaridade. Verificou-se ainda que a desigualdade de rendimentos é maior para os quantis mais elevados da distribuição.

Palavras-chave


desigualdade; rendimentos; gênero; discriminação

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Jacqueline Nogueira Cambota, Paulo Araújo Pontes

Instituto de Economia da UFRJ

Avenida Pasteur, 250, Palácio Universitário, sl 114 
Urca, Rio de Janeiro, RJ, CEP 22290-240, Rio de Janeiro - RJ Brasil
Tel.: 55 21 3873-5242
e-mail: rec@ie.ufrj.br