Investigando a hipótese da paridade do poder de compra: um enfoque não linear

André Moreira Marques

Resumo


A hipótese da Paridade do Poder de Compra (PPP) é investigada analisando-se a dinâmica de longo prazo da taxa de câmbio real efetiva no Brasil. Com dados mensais, o objetivo principal do estudo é testar a hipótese da PPP com um enfoque não linear. A metodologia empregada baseou-se na aplicação de testes gerais (Keenan, 1985; Tsay, 1986) e específicos para não linearidade do tipo Threshold (Chan, 1990). Seguindo-se a metodologia de Hansen (1999), o estágio seguinte consistiu em testar o número de regimes necessários para descrever a dinâmica não linear da taxa de câmbio real. Os resultados das estimações sugerem a ocorrência de apenas dois regimes distintos, com persistência e volatilidade diferentes. Conclui-se que a hipótese da PPP é apoiada pelos resultados.

Palavras-chave


lei do preço único; taxa de câmbio real; SETAR; não linearidade

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 André Moreira Marques

Instituto de Economia da UFRJ

Avenida Pasteur, 250, Palácio Universitário, sl 114 
Urca, Rio de Janeiro, RJ, CEP 22290-240, Rio de Janeiro - RJ Brasil
Tel.: 55 21 3873-5242
Fax: 55 21 2541-8148
e-mail: rec@ie.ufrj.br