A antipsicologia de Proust: os limites do eu

Henning Teschke

Resumo


O gênio de Proust, tanto analítico quanto destrutivo, se manifesta sobretudo na restrição da esfera da psicologia individual, que se confronta por toda a parte com as forças interiores, maiores e menores, além do seu alcance. Ao mesmo tempo também ressalta uma fdelidade à infância aquém da origem traumática. Nisto se manifesta o rumo da Recherche orientada pelo futuro.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Henning Teschke

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.