Muito além do inimitável

Filipe Manzoni

Resumo


Nosso trabalho se propõe a repensar os procedimentos de imitação, apropriação e plágio dos quais a obra de Leonardo Gandolfi lança mão, em especial em A morte de Tony Bennett (2010), a partir do cenário de circulação e consumo música popular, em especial a partir da figura-chave do cantor Roberto Carlos. Através de uma série de intérpretes e imitadores o que a poesia de Gandolfi parece propor é uma priorização, sobre qualquer estatuto originário de uma obra, de seus usos, sua circulação e sua capacidade de estabelecer vínculos afetivos.

Abstract: The main goal of this research is to reconsider the procedures of appropriation and collage from the poetry of Leonardo Gandolfi, especially in his A morte de Tony Bennett (2015), in face of a paradigm of the popular music, particularly through the center image of the Brazilian singer, Roberto Carlos. The poetry of Leonardo Gandolfi concepts a network of interpreters and impersonators to bring forward, and against any original priority, the value of their use, theirs circulation and, mostly, it's capability of creating emotional bounds.

Keywords: Contemporary Poetry; Leonardo Gandolfi; Popular Music; Roberto Carlos.


Palavras-chave


Poesia Contemporânea; Leonardo Gandolfi; Música Popular; Roberto Carlos.

Texto completo:

PDF HTML

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Filipe Manzoni

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.